Walk, Don't Run

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Walk, Don't Run
Devagar, não corra (BR)
 Estados Unidos
1966 • cor • 114 min 
Direção Charles Walters
Roteiro Robert Russell
Frank Ross
Elenco Cary Grant
Samantha Eggar
Jim Hutton
Género comédia romântica
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Walk, Don't Run (br: Devagar, não corra /pt:) é um filme estadunidense de 1966, do gênero comédia romântica, dirigido por Charles Walters. Este é o último filme em que o ator Cary Grant atuou.

A trilha sonora é de Quincy Jones, com a colaboração de Peggy Lee que escreveu as canções "Stay with Me" e "Happy Feet". A música-tema traz Toots Thielmans na gaita e Harry "Sweets" Edison no trompete.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O empresário inglês Sir William Rutland chega a Tóquio mais cedo durante as Olimpíadas. Como nenhum quarto de hotel está vago na cidade, ele resolve ir atrás de um endereço que encontra em um anúncio de aluguel na embaixada britânica em Tóquio. O apartamento é de uma moça inglesa, Christine Easton. Mesmo a contragosto, Christine acaba por ser convencida pelo carismático Rutland e aceitar dividir o lugar com ele. Mais tarde, Rutland conhece Steve Davis, um norte-americano estudante de arquitetura e atleta olímpico, que também não tem onde ficar. William subloca sua parte no apartamento para Davis e Christine se vê forçada mais uma vez a concordar. Depois de várias confusões com um agente russo e o noivo de Christine, Steve parte para a disputa da prova de Marcha Atlética pelas ruas de Tóquio enquanto Rutland o ajuda a iniciar um romance com Christine.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Remake do filme de 1943 The More the Merrier.
  • Este é o último filme que Cary Grant atuou. Ele decidiu deixar o cinema porque, segundo ele, já estava muito velho para fazer papéis de protagonista e seus fãs não aceitariam vê-lo como coadjuvante.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]