Walram II de Nassau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Fevereiro de 2008).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Nuvola apps important.svg
A tradução deste artigo ou se(c)ção está abaixo da qualidade média aceitável.
É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, nl:Walram_II_van_Nassau e melhore este artigo conforme o guia de tradução.

Valéran II ou Walram II de Nassau (1220-1289), da Casa de Nassau, foi com seu irmão Oto I, co-Conde de Nassau 1249-1255, Conde de Nassau-Wiesbaden e Conde de Nassau-Weilburg e Conde de Nassau-Idstein 1255. Eram filhos de Henrique II de Nassau, o Rico.

É considerado o fundador do trono walramiano dos condes de Nassau, Idstein, Wiesbaden, Weilburg, Sarrebruck, Ottweiler, Usingen. Tornou-se conde de Nassau em 1251. Governou com o irmão Oto e, em 1255, por “prima divisio”, tomou posse de terras no Taunus, de terras na margem esquerda do rio Lahn e de Weilburg, Wiesbaden e Idstein.

Conselheiro secreto do Imperador Rodolfo I da Germânia. Seus descendentes serão Condes Principescos de Nassau (1366) com dignidade de Príncipe do Sacro Império Romano Germânico confirmada (1688) e renovada (1737) em Viena; confirmação Imperial da sucessão por primogenitura em 1755 e 1766. Tratado de Sucessão com linha caçula de Nassau-Dillenburg, 30 de junho de 1783; qualificado Most Serene Highborn (ou Durchlauchtigst Hochgeboren) honra conferida à primogenitura masculina em Viena 1784.

Walram II casou em 1250 com Adelaide (morta em 1288) filha de Teodorico IV, Conde de Katzenelnbogen. Tiveram descendência:

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.