Watson (supercomputador)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde outubro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Watson é um supercomputador desenvolvido para diagnóstico clínicos; Foi projetado em 2007 por uma equipe composta por 30 cientistas. Também tem o título de computador mais potente do mundo com quinze trilhões de bytes, equivalente a 2800 computadores juntos.

Em 2011, ele venceu os dois melhores jogadores humanos do programa Jeopardy, um game show da TV americana[1] .

Este ano (2014), o supercomputador será usado no New York Genome Center (EUA), onde irá fornecer tratamento personalizado a pacientes com câncer no cérebro.[2]

Em Novembro de 2014 o presidente da IBM Portugal, António Raposo de Lima afirmou que o Watson, que é fluente em tratamento e validação de dados e de reconhecimento da linguagem natural, terá a versão em português poderá a maquina comunicar com o ser humano na lingua portuguesa.[3] .

Infra-estrutura[editar | editar código-fonte]

Dividida em duas grandes unidades, cada uma com cinco torres, 10 servidores IBM Power750 e dois grandes refrigeradores.

Referências

  1. super.abril.com.br/ 2045: o ano em que os computadores assumirão o poder
  2. gizmodo.uol.com.br/watson-cancer-cerebro Supercomputador Watson usa genética para ajudar no combate ao câncer
  3. [1] Supercomputador Watson vai ter versão portuguesa