Wikipédia:Plágio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Crystal Clear mimetype txt.png Este ensaio contém conselhos ou opiniões de um ou mais contribuidores da Wikipédia. Ensaios não são políticas nem recomendações, mas podem representar práticas já bem difundidas na comunidade ou ainda pontos de vista de minorias. Sinta-se livre e até encorajado para melhorar a página ou discutir na página de discussão, mas tenha prudência ao considerar esses pontos de vista já previamente trabalhados.

Plágio é a incorporação de trabalho alheio – incluindo linguagem e ideias – sem a devida atribuição de autoria.[1]

A Wikipedia tem três principais políticas editoriais, Verificabilidade, Princípio da imparcialidade e Nada de pesquisa inédita. A política contra pesquisa inédita proíbe a adição de ideias próprias e a política de verificabilidade exige que os artigos sejam baseados em fontes fiáveis. Destas duas políticas decorre que os wikipedistas estão vulneráveis a acusações de plágio porque deve-se ater-se rigorosamente às fontes, mas não excessivamente. Porque o plágio pode ocorrer inadvertidamente, devemos nos preocupar na instrução do editor e na cuidadosa manutenção dos artigos.

Ao incorporar informação de outras fontes em artigos da Wikipédia, deve sempre referir a fonte original. Mesmo quando o texto original tem uma licença de distribuição compatível com a Creative Commons Atribuição-Compartilhamento pela mesma Licença 3.0 Unported (CC-BY-SA) e o texto é copiado ou adaptado para a Wikipédia, a licença de distribuição obriga a referenciar a obra original.

Referências

  1. What Constitutes Plagiarism? Harvard Guide to Using Sources, Universidade de Harvard.

Ver também[editar | editar código-fonte]