William Stoddart

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

William Stoddart (Carstairs, Escócia, 25 de junho de 1925) é um escritor e médico britânico.

É um dos mais respeitados e influentes autores da Filosofia Perene no início do século XXI. Sua abordagem de temas da história das religiões caracteriza-se pela objetividade, a universalidade e a clareza. Foi considerado um "mestre da síntese" (revista Sophia, Volume 4, Number 2, Winter 1998). Por vários anos foi editor-assistente da prestigiosa revista britânica Studies in Comparative Religion.

Viveu e trabalhou como médico durante vários anos em Londres. Atualmente, vive e trabalha como escritor, tradutor e editor em Ontário, Canadá.

Viajante infatigável, percorreu quatro continentes e dezenas de países. Esteve na Índia, no Egito, no Marrocos, na Turquia, na Rússia, na Grécia, no Japão, em Portugal (na década de 1950) e no Brasil (na década de 1990 e em 2005), além de conhecer em detalhe os países da Europa Ocidental. Nesses lugares, estudou a cultura tradicional e manteve contatos com autoridades intelectuais e religiosas, com vistas a recolher material para seus livros.

Amante das línguas e tradutor gabaritado, verteu do alemão e do francês para o inglês diversos livros de Frithjof Schuon e Titus Burckhardt. Foi o responsável pela organização e edição da antologia The Essential Titus Burckhardt (EUA, 2003).

Seu livro mais recente é Lembrar-se nu Mundo de Esquecimento: reflexões sobre Tradição e pós-modernismo (Remembering in a World of Forgetting), coletânea de ensaios publicada nos Estados Unidos em 2008 e no Brasil em 2013.

Em 2009, Stoddart publicou duas antologias que discutem com penetração e vasto conhecimento temas contemporâneos. What do the religions say of each other (O que as religiões dizem umas das outras) e Invincible Wisdom (Sabedoria Invencível), ambas publicadas pela editora norte-americana Sophia Perennis.

Em 2012, Stoddart lançou What does Islam mean in today's world? (O que o Islã representa no mundo de hoje?), no qual explica com rara objetividade o lugar do Islã entre as grandes civilizações da humanidade e seu papel no mundo contemporâneo.

Obra[editar | editar código-fonte]

Em inglês[editar | editar código-fonte]

  • Outline of Sufism: The Essentials of Islamic Spirituality (World Wisdom, 2013)
  • What does Islam mean in today's world? (World Wisdom, 2012)
  • Remembering in a World of Forgetting (World Wisdom, 2008)
  • Invincible Wisdom (Sophia Perennis, 2007)
  • Hinduism and Its Spiritual Masters (Fons Vitae, 2006)
  • The Essential Titus Burckhardt: Reflections on Sacred Art, Faiths, and Civilizations (EUA, 2003)
  • Outline of Buddhism (EUA, 1998)
  • Outline of Hinduism (EUA, 1993)
  • Religion of the Heart: Essays Presented to Frithjof Schuon on His Eightieth Birthday (EUA, 1991)
  • Sufism – The Mystical Doctrines and Methods of Islam (EUA, 1986)
  • Também foi editor da antologia The Essential Titus Burckhardt (EUA, 2004).

Traduzida ao português[editar | editar código-fonte]

  • Lembrar-se num Mundo de Esquecimento: Reflexões sobre Tradição e pós-modernismo (São José dos Campos, 2013)
  • O Hinduísmo (São Paulo, 2005)
  • O Budismo ao seu alcance (Rio de Janeiro, 2004)

Artigos[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]