Winter Quarters

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuvola apps important.svg
A tradução deste artigo ou se(c)ção está abaixo da qualidade média aceitável.
É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, inglês e melhore este artigo conforme o guia de tradução.
Série sobre
A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Winter Quarters era um acampamento formado por aproximadamente 2.500 membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, os pioneiros mórmons. Eles esperaram durante o inverno de 1846-1847 para melhores condições de clima e assim poder prosseguir com a caminhada para o oeste. Seguiu-se um acordo preliminar de armarem tendas altas em uma distância de três em três quilômetros a oeste. Os mórmons construiram mais de 800 camarotes no assentamento, durante o inverno. O acampamento se localizava na atual cidade de Omaha, no estado norte-americano de Nebraska, com vista para o rio Missouri. O acampamento populacional permaneceu até 1848.

História[editar | editar código-fonte]

Os pioneiros mórmons deixaram suas casas em Nauvoo, já durante o inverno. O fato aconteceu pelos constantes perseguimentos de líderes políticos e religiosos aos mórmons, na região. Grande parte das famílias que deixaram Nauvoo ao serem expulsas, possuíam poucos alimentos e suprimentos bem limitados. Um homem influente na região, não-mórmon, chamado Thomas L. Kane, procurou convencer a liderança SUD a estabelecer um grupo militar voluntário (mais tarde conhecido como o Batalhão Mórmon), e assim receber permissão do governo federal americano para o acampamento do grupo nas terras de Omaha, incluindo o sítio do Parque Cutler. Nos primeiros meses, os pioneiros viviam em tendas. As mulheres e crianças faziam serviços domésticos enquanto os homens trabalhavam com o gado.

Devido aos argumentos entre as tribos de nativos da região e parte da população sobre o uso da terra, os Mórmons tiveram de mudar seu acampamento de três milhas a leste de um local com vista para o rio Missouri. Lá, eles construíram casas e cabanas e plantaram gramado durante o inverno. Os Santos dos Últimos Dias negociavam com os indígenas e assentamentos de comércio no norte do Missouri e Iowa, o intercâmbio de bens domésticos e pequenas quantias de dinheiro para alimentos, tais como porcos, grãos e vegetais. Jovens Mórmons também produziam peças artesanais, itens como cestas de salgueiro e bonecos para venda. O fundo monetário da Igreja também permitiu que a comunidade construísse poços artesianos.

Mesmo com o comércio, a alimentação no acampamento era principalmente pão de milho, bacon, sal e um pouco de leite ou carne. O Escorbuto, doença conhecido como "peste negra" durante este período, tornou-se um grande problema aos pioneiros. Líderes locais tentavam combater a doença com batatas e rábano, mas todos os moradores não tinham legumes frescos em sua dieta. A tuberculose, malária, febre e calafrios não-identificado também afligiam a população do local, principalmente os santos.Registros da igreja não contêm informações sobre as vítimas da doença, no entanto, mais tarde, os registros indicam que, a partir de meados de setembro de 1846 a maio de 1848, a doença causou a morte de 359 pioneiros.

Brigham Young supervisionou a construção da Usina de Florença, um dos edifícios da cidade que foram construídos pelos pioneiros mórmons. Hoje ele é supostamente o único edifício sobrevivente na área. Os colonos precisavam de um moinho para moer milho, trigo e centeio para criar produtos de fubá e farinha. Construída ao lado de Turquia Creek, mais tarde chamado de Mill Creek, que corria para o rio Missouri, a estrutura original foi iniciado no outono de 1846. foi concluído na primavera de 1847, ao custo de US$ 3000. A Igreja vendeu esta fábrica para John Neff, após os santos se mudarem para Salt Lake City.

Hoje, a área que antes era o acampamento Winter Quarters faz parte da comunidade de Florença, localizado no norte da cidade de Omaha. A comunidade pioneira é lembrada com diversas atrações, incluindo o cemitério Pioneer Mormon, Parque Cutler, e o Memorial Bridge Mormon Pioneer. O Templo de Winter Quarters foi construído também no local e dedicado em Abril de 2001.