Within Temptation

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Within Temptation
Within Temptation - Sofia Rocks cropped.jpg
Within Temptation ao vivo em 2012.
Informação geral
País  Países Baixos
Gênero(s) metal sinfônico
Período em atividade 1996 - atualmente
Gravadora(s) DSFA Records
GUN Records
RoadRunner Records
Página oficial www.Within-Temptation.com
Integrantes Sharon den Adel
Robert Westerholt
Ruud Adrianus Jolie
Jeroen van Veen
Martijn Spierenburg
Mike Coolen
Ex-integrantes Ivar de Graaf
Martijn Westerholt
Michiel Papenhoeve
Stephen van Haestregt

Within Temptation é uma banda de Metal Sinfônico dos Países Baixos, formada em 1996 pelo guitarrista Robert Westerholt e pela vocalista Sharon den Adel. A partir do álbum Mother Earth começaram a ganhar maior notoriedade na mídia internacional.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Formação[editar | editar código-fonte]

No começo de 1996 começa a banda com Robert Westerholt (na guitarra) e Sharon den Adel (nos vocais) depois adicionado Jeroen van Veen (no baixo), Martijn Westerholt no teclado, o segundo guitarrista Michiel Papenhoeve e Ivar de Graaf na bateria. Eles assinaram um contrato de gravação com a DSFA Records no ano seguinte, e começaram o trabalho para seu primeiro lançamento.

Enter demo tape (1996)[editar | editar código-fonte]

A demo tape Enter torna-se um sucesso e a demo do mês na revista de hard rock Aardshock. A banda assina contrato com a DSFA em Abril e Dennis deixa a banda sendo substituído por Ivar de Graaf. A banda grava seu primeiro álbum "Enter", toca no Dynamo Open Air Festival. Já em Novembro a banda junto com Orphanage começa uma turnê européia.

Enter e The Dance (EP) (1997-1999)[editar | editar código-fonte]

O álbum de estréia Enter foi lançado em 1997, sendo bem aceito. Posteriormente ao lançamento, a banda fez uma grande turnê atravessando os Países Baixos, além de uma apresentação no festival Dynamo Open Air, em Eindhoven, um dos maiores festivais neerlandeses de heavy metal. No mesmo ano, fizeram também uma turnê internacional na Alemanha e Áustria. O gênero musical é diferente dos álbuns posteriores. Em Enter a sonoridade é pesada e sinfônica e eles misturam um pouco do estilo próprio dos Within Temptation com doom metal. Em 1998 a banda continuou em turnê, alcançando o palco principal do festival Dynamo. Apesar disso, a banda não lançou material novo, apenas o EP The Dance. O ano seguinte foi de descanso para a banda, quando puderam construir seu próprio estúdio e resolver assuntos pessoais. Em The Dance o som de Within Temptation ficou mais limpo e adentrou-se no estilo que sucederia o resto da carreira.

Mother Earth (2000-2003)[editar | editar código-fonte]

O ano de 2000 trouxe novamente as turnês, tendo a banda tocado em três festivais neerlandeses: Waterpop, Bospop e Lowlands. Posteriormente, trabalharam no segundo álbum de estúdio, Mother Earth, que recebeu várias críticas positivas da mídia e nas paradas musicais neerlandesas.

A banda lançou o compacto "Our Farewell", que não entrou nas paradas. Em contrapartida, o segundo compacto "Ice Queen" é considerado o estouro da banda. Em 2001 ele se tornou a quarta posição nos Países Baixos e primeira posição na Bélgica, e suas vendas promoveram bastante o álbum.

No mesmo ano Michiel Papenhoeve sai da banda e Ruud Adrianus Jolie foi adicionado como segundo guitarrista, o baterista de Graaf foi substituído por Stephen van Haestregt, e Martijn Westerholt foi substituído por Martijn Spierenburg, pois estava sofrendo de mononucleose infecciosa. Westerholt posteriormente formou a banda Delain.

A banda atingiu aparições maiores na mídia em 2002 com seu primeiro concerto na França, e um evento na Cidade do México. Obtiveram então seu primeiro prêmio de relevante, o Dutch Silver Harp. A banda embarcou em turnê internacional em suporte ao Paradise Lost em 2003, e relançaram Mother Earth pela GUN Records em mais países europeus. A banda foi particularmente bem aceita na Alemanha, onde recebeu disco de platina e a sétima posição nas paradas nacionais. Regiões do Benelux receberam o lançamento do compacto "Running Up That Hill", um cover da cantora Kate Bush.

Nesse álbum, os Within Temptation, ficaram conhecidos como uma banda de metal melódico e até mesmo o power metal. Mas músicas como The Promise e World of Make Believe, sendo a ultima um B-Side, mostram um lado tanto obscuro da banda.

The Silent Force (2004-2006)[editar | editar código-fonte]

A banda passou a se apresentar em grandes festivais Europeus, se apresentando para cada vez maiores públicos.

Planos para o terceiro álbum se tornaram realidade em 2004, com o lançamento de The Silent Force em 15 de novembro. A produção de Daniel Gibson se tornou topo das paradas em vários países europeus. Para promoção do álbum, a banda entrou em turnê internacional em 2005. "Stand My Ground" e "Memories", os primeiros compactos do álbum, ajudaram a promover o lançamento e alcançaram boas posições nas paradas e rádios europeias. "Stand My Ground" também foi promovido no trailer do filme Blood and Chocolate. O terceiro single foi Angels. Em Janeiro de 2006, a banda ganhou o Dutch Pop Prize e o Prêmio Holandês de Exportação por suas vendas fora do país, sendo este último ganho pelo terceiro ano consecutivo. A banda então anunciou que estaria trabalhando em um próximo álbum após mais apresentações em festivais Europeus.

Nesse álbum a banda começou a ser conhecida como Rock Atmosférico.

The Heart of Everything (2007-2008)[editar | editar código-fonte]

O álbum The Heart of Everything foi lançado em 9 de Março de 2007 no território europeu e em 24 de Julho de 2007 nos Estados Unidos, marcando o novo contrato da banda com a gravadora estado-unidense Roadrunner Records assinado no final de 2006. No final de fevereiro foi lançado o primeiro compacto, "What Have You Done". O vídeo musical foi gravado em 12, 13 e 14 de dezembro de 2006 no Koko club em Londres, e num estúdio de computação gráfica em Windsor, com a participação de Keith Caputo (da banda Life of Agony) nos vocais.

Em maio, a banda realizou sua primeira turnê pela América do Norte junto com Lacuna Coil, contando também com as bandas In This Moment, Stolen Babies, The Gathering e Kylesa numa turnê apelidada "The Hottest Chicks in Metal Tour 2007". A nova gravadora também lançou um EP de versão limitada intitulado The Howling. O álbum estreou na primeira posição da parada musical neerlandesa, tornando-se o segundo álbum de estúdio da banda a atingir tal marca.

Da esquerda para a direita: Jeroen van Veen, Stephen van Haestregt, Ruud Jolie, Martijn Spierenburg, Sharon den Adel, Robert Westerholt.

O segundo compacto foi "Frozen", lançado em junho na Europa. O vídeo musical lida com a questão de abuso infantil e foi filmado na Romênia. Os fundos angariados foram destinados à caridade, através da organização Child Helpline International. A faixa "The Howling" foi escolhida como um compacto digital lançado no Reino Unido, tendo sido gravado outro vídeo musical. A versão estendida do compacto conta com um lado B inédito, a canção "Sounds of Freedom". Ambas as faixas foram incluídas no material para promoção do jogo de computador The Chronicles of Spellborn.

Nesse álbum a banda começou a ser rotulada por um estilo novo, o Symphonic Metal, que logo após ser efetuado, encarou novamente o fato do grande leque de estilos que a banda pode oferecer. Os Within Temptation são muitos conhecidos no mundo todo como Hybrid Metal e Metal alternativo, também sendo uma vertente do Rock Atmosférico. O álbum vendeu 150.000 cópias na primeira semana. No dia 7 de Fevereiro de 2008, a banda realizou um show esgotado na cidade de Roterdão para uma audiência de 10.000 pessoas, com uma orquestra completa e um coral, que foi gravado em DVD e lançado, com o nome de Black Symphony.

Atualmente, a música What Have You Done está no jogo Guitar Hero World Tour.

An Acoustic Night at the Theatre (2009)[editar | editar código-fonte]

O lançamento do álbum ao vivo aconteceu em Outubro de 2009 "An Acoustic Night at the Theatre". Esse mesmo álbum contém músicas acústicas ao vivo que foram gravadas durante a turnê "sold-out" Theatre Tour em Novembro de 2008. Esses foram shows muito especiais. A banda adicionou um set acústico ao seu show, fazendo com que fosse mais íntimo e especial. Além disso, foram usadas projecções do tela o que enfatizou o ambiente teatral. Como a respostas às faixas acústicas foram positivas, a banda decidiu lançar num CD, junto com o single da música bónus "Utopia", tocada em conjunto com Chris Jones.

A data exacta do lançamento foi em 30 de Outubro, na Alemanha, Áustria e Suíça. O resto do mundo teve que esperar até 2 de Novembro.

Apesar de este álbum ter sido referido como uma experiência positiva, a banda assegura que o seu rumo no próximo álbum será totalmente diferente.

The Unforgiving (2011-2012)[editar | editar código-fonte]

The Unforgiving, é o título do novo álbum da banda, cujo lançamento previsto para março de 2011. O conceito do álbum é baseado na série em quadrinhos escrita por Steven O'Connell (BloodRayne, Dark 48) e trará personagens e cenários desenhados Romano Molenaar (Witchblade, Darkness, X-Men).

Comentário da banda: “Neste álbum, nós tomamos uma abordagem totalmente diferente. Cada canção no 'The Unforgiving' foi escrita ao longo da narrativa de Steven. Os personagens principais do quadrinho estão refletindo os personagens em nossas canções. O conceito nos empurrou e deu inspiração para vir pra cima com uma nova abordagem em nosso som. Isto resultou em nossas melhores canções escritas até agora."

A banda se apresentando em Amsterdam, em sua The Unforgiving World Tour.

Além da série em quadrinhos a inspiração do álbum contou também com a influência do metal, rock e até pop hit's do final dos anos 80 e início do anos 90.

No dia 15 de Dezembro de 2010, a banda lançou "Where Is The Edge" na internet, junto com um vídeo contendo imagens do filme Me & Mrs. Jones. A banda também anunciou que uma série de quadrinhos com o mesmo nome do álbum, chamado de The Unforgiving, seriam lançados, acompanhado de 3 curtas-metragem, no qual, juntando álbum, quadrinhos e curtas, contariam a história da personagem principal, Sinéad.

Um trailer do álbum, contendo um clipe da música "In the Middle of the Night", foi lançado em 17 de Janeiro de 2011.

No dia 21 de Janeiro, o primeiro single, "Faster", foi mundialmente lançado nas rádios. Seu videoclipe foi lançado em 31 de Janeiro, junto com o primeiro curta-metragem, Mother Maiden. A música rapidamente entrou nas paradas holandesas, belgas e alemãs, mas não atingiu posições picos somo singles anteriores da banda.[1] Contudo, é a música de mais sucesso da banda no site de download iTunes, tendo ficado como #1 nos downloads de rock em vários países. [2]

No dia 3 de Fevereiro, a primeira revisão do álbum foi publicada por um jornalista voluntário, em seu blog.[3]

Nos dias 7 e 8 de Fevereiro, a banda foi à Paris para promover o novo álbum na França. Uma primeira entrevista com Sharon foi publicada no site Metal-Ways.com (em inglês).[4]

"Sinéad", o segundo curta-metragem, foi lançado em 21 de março[5] O vídeoclipe foi lançado em 10 de junho para promover o lançamento do single físico, que foi lançado em 15 de junhos e entrou nas paradas da Alemanha, Bélgica e Áustria.[6] O single difere dos outros da banda, possuindo além da versão editada de "Sinéad" mais 5 versões remixadas por Djs Europeus.[7]

A banda começou a turnê mundial de divulgação do álbum, chamadaThe Unforgiving Tour, em 10 de Agosto, no festival Sziget, na Hungria, tocando algumas canções do álbum The Unforgiving e também alguns sucessos dos álbums anteriores. No Huntenpop Festival, na Holanda, o álbum foi tocado completamente na primeira parte do show, sendo a segunda dedicada apenas a canções populares mais antigas, entre elas What Have You Done e Ice Queen. Após isso, a banda tocou em vários outros festivais, como o M'era Luna, um dos festivais alemães de rock e metal mais populares, embarcando depois em uma turnê Norte Americana seguida de uma turnê Européia em casas de show, com a maioria esgotados. [8]

No dia 22 de Setembro, a banda se apresentou no Festival de Cinema Holandês, tocando as canções Where is the Edge e Lost, e tendo seus três curtas metragens exibidos e indicados no festival. [9]

Membros[editar | editar código-fonte]

Formação atual[editar | editar código-fonte]

Membros antigos[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Within Temptation