Wolfram Sievers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wolfram Sievers.jpg

Wolfram Sievers (Hildesheim, 10 de Julho de 1905- 2 de Junho de 1948) foi um dirigente da Ahnenerbe.

Vendedor de livros, entrou para o NSDAP em 1929, e logo depois trabalhou em Dachau com August Hirt

Participou de experimentos de congelamento com prisioneiros de guerra. É estimado que ele foi responsável pela morte de 300 pessoas.

Sievers foi sentenciado a morte em 20 de Agosto de 1947 por crimes contra a humanidade no Processo contra os Médicos, e enforcado em 2 de Junho de 1948.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.