Xaviera Hollander

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Xaviera Hollander

Xaviera Hollander (15 de junho de 1943) é uma ex-prostituta. Ela nasceu como Vera de Vries em Soerabaja, Indonésia.

Nasceu nos Países Baixos, onde se criou. Após trabalhar por alguns anos como secretária, resolveu mudar-se para Nova Iorque. Lá, fundou um dos prostíbulos de luxo mais famosos dos Estados Unidos, freqüentado por gente como Alfred Hitchcock, Frank Sinatra, Eddie Fischer, Egon von Furstemberg, etc.

Durante o período de funcionamento do consagrado bordel, Xaviera enfrentou inúmeros problemas com a polícia, o Serviço de Receita Interna e o Departamento de Imigração. Perseguida ininterruptamente pelo segmentos mais conservadores da comunidade novaiorquina, chegou a depor perante a promotoria da cidade, quando então se viu forçada a encerrar suas atividades.

Suas experiências, além de casos pitorescos e picantes com clientes de ambos os sexos e de variadas preferências sexuais, estão descritas em seus livros. Todos eles alcançaram enorme sucesso junto ao público: mais de dezessete milhões de exemplares vendidos. Segundo a autora, tal êxito se deve sobretudo à temática que abordam, isto é, o sexo...

Livros publicados no Brasil[editar | editar código-fonte]

  • A Aliciadora Feliz (The Happy Hooker);
  • A cozinha erótica de Xaviera Hollander;
  • A Madame Embaixatriz;
  • A Selvagem Xaviera;
  • Cartas à Xaviera;
  • O Clube Fechado;
  • O Melhor do Sexo;
  • Os Amantes de Xaviera;
  • Os cogumelos mágicos de Xaviera;
  • Uma caixa de Prazer;
  • Xaviera;
  • Xaviera ao Vivo (Xaviera’s SuperSex);
  • Xaviera e o sexo fantástico;
  • Xaviera em Jogos Eróticos;
  • Xaviera Praticando Sexo à Moda Espanhola.