Xela Arias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Xela Arias Castaño (Lugo 1962 - Vigo 2003) foi uma poetisa e tradutora galega.

Traduziu para o galego obras de Jorge Amado, Camilo Castelo Branco, James Joyce, James Fenimore Cooper e Wenceslao Fernández Flores.

Obra[editar | editar código-fonte]

  • Denuncia do equilibrio, 1986
  • Tigres coma cabalos, 1990
  • Darío a diario, 1996
  • Intempériome, 2003

Ligações externas[editar | editar código-fonte]