Yamaha Motor Company

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Yamaha Motor Company, Ltd.
Yamaha logo.svg
Tipo Pública
Indústria Automobilística
Fundação 1º de julho de 1955
Sede Japão Iwata, Shizuoka, Japão
Pessoas-chave Torakusu Yamaha (fundador)
Empregados 39.300 (2005)
Produtos motocicletas, motonetas, scooters, quadriciclos
Lucro Aumento US$ 900 milhões (2005)
Faturamento Aumento US$ 12 bilhões (2005)
Página oficial Yamaha Motor Global
Yamaha Motor do Brasil

A Yamaha Motor Company Limited (ヤマハ発動機株式会社, Yamaha Hatsudōki Kabushiki-gaisha?) (TYO: 7272) é uma empresa japonesa produtora de motocicletas, quadriciclos e motores (especialmente para barcos), entre outros. Faz parte da Yamaha Corporation.

Departamento de corridas[editar | editar código-fonte]

A Yamaha tem uma longa herança em corridas, onde teve a sua equipe vencedora com diversas máquinas, e em diversos domínios, por exemplo, tanto rodoviários quanto corridas off road. A Yamaha também teve grande sucesso com pilotos como Bob Hannah, Heikki Mikkola, Kenny Roberts, Chade Reed, Jeremy McGrath, Stefan Merriman, Wayne Rainey e, mais recentemente, Valentino Rossi e James stewart. A Yamaha é conhecida pelos mais velhos (em especial pessoas com mais de 40 anos) como a criadora da motocicleta de motocross moderna, pois foi a primeira empresa a construir em série uma motocicleta mono-choque para cross (modelos de 250 cc e 400 cc em 1975, e um modelo de 125 cc em 1976) e uma das primeiras a ter em sua linha uma motocicleta de cross refrigerada a água (em 1981, mas em 1977 ja trabalhavam nessa versão).

Desde 1962, as réplicas das motocicletas Yamaha utilizadas nas pistas poderiam ser adquiridas por qualquer piloto com sua devida licença para correr. Em 1970, equipes privadas "Não oficiais" dominaram o Campeonato Mundial de 250 cc, com o britânico Rodney Gould conquistando o título com uma Yamaha TD2.

Modelos de motocicletas[editar | editar código-fonte]

A Yamaha fez um extenso número de scooters com motores de dois e quatro tempos, e modelos de motocicletas on-road e off-road. A Yamaha XS 650, introduzida em 1970, foi um enorme sucesso, tal que incapacitou a indústria britânica de motores bi-ciclíndricos em linha.

Outros veículos[editar | editar código-fonte]

A Yamaha também constrói motores para outros fabricantes de veículos, mais notavelmente os motores V6 e V8 que equipam o Ford Taurus SHO. O Volvo XC90 utiliza uma versão maior desse mesmo modelo Yamaha V8. Também produziu motores de corrida para a Fórmula 1 nas décadas de 1980 e 1990, com pouco sucesso. Em 1991, a Yamaha desenvolveu o seu supercarro com motor de F1 chamado OX99-11, que possuia dois assentos paralelos à frente do motor, mas o projeto foi engavetado, devido à recessão mundial e a falta de interesse em continuá-lo.

A Yamaha também personaliza motores para outros fabricantes, sendo um deles a Toyota. O logotipo da Yamaha pode ser encontrado, por exemplo, nos motores S da Toyota, bem como nos motores 2ZZ-GE utilizados pela Toyota, pela Pontiac e pela Lotus.

A Yamaha desenvolveu um protótipo de um carro esportivo de dois lugares com a ajuda de Albrecht Goertz. Apesar de a parceria Yamaha/Nissan nunca ter avançado além da fase de protótipos, com a Toyota assumiu o projeto e o lançamento do Toyota 2000GT.

A Yamaha é também uma das 4 grandes empresas Jet-Skis.

Produtos[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Veículos da Yamaha