Yamaha YZF R125

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Yamaha YZF R125
Yamaha YZF-R125 blu.jpg
Fabricante Yamaha Motor Company
Apelido YZF R125
Produção 2008-atual
Predecessora Não tem
Sucessora Não tem
Tipo Esportiva
Motor Mono-cilíndrico, 4 tempos, DOHC, 125 cc, alimentação por injeção eletrônica, partida elétrica.
Potência 14,7 CV a 9.000 rpm
Torque 12:24 Nm a 8.000 rpm

A Yamaha YZF R125 é um motociclo com 125 cc de carácter desportivo, que representa a resposta da Yamaha à então líder de vendas Honda cbr 125 r. Foi destinada ao mercado europeu e lançada em Abril de 2008, tornando-se instantaneamente um enorme sucesso de vendas um pouco por toda a Europa (com mais de 20.000 vendas). Tal sucesso está directamente relacionando com a filosofia por de trás da criação do motociclo, foi criada com o intuito de ser a melhor em todas as áreas, começando com um motor muito rotativo (que aproveitá-se toda a potência permitida legalmente para a categoria), com bons componentes, e uma sensação de "mota grande", mas ao mesmo tempo fácil de conduzir, confortável, fiável e muito económica (mesmo conduzida de um modo mais desportivo, os seus consumos mantém-se sempre perto dos 3l/100km, sendo muito fácil realizar consumos reais abaixo desse valor).

Características[editar | editar código-fonte]

Esta equipada com um motor desenhado de raiz especificamente para este modelo, desenvolvido pela minarelli (empresa do grupo Yamaha, especialista em monocilindricos). Um monocilíndrico de refrigeração líquida, com 4 válvulas (DOHC)e injeção eletrônica, oferecendo um motor que se sente mais solto e à vontade acima das 4000 rpm e que ganha vida realmente acima das 6000 rpm.

Possui um chassi Deltabox de aço com braço oscilante em alumínio, a nível se suspensões conta com uma forquilha telescópica de 33mm de diâmetro na frente (sem qualquer ajustamento) e com um amortecedor (com regulamento de pré-carga), quanto à travagem esta é assegurada por um disco dianteiro de 292mm com uma pinça de dois pistões brembo ( que assegura uma travagem adequada, progressiva e com bom tacto) e atrás um disco de 230 mm, com pinça de um pistão, que não se encontra ao mesmo nível do conjunto dianteiro, com menos sensibilidade e que bloqueia com alguma facilidade, mas que não representa nenhum perigo e é suficiente para o conjunto.

Ao nível dos pneumáticos está equipada com pneus de grandes dimensões (que agora são considerados tamanho padrão no segmento), com 100/80-17 na dianteira e um 130/70-17 atrás, (como marca de pneu padrão, encontramos os Michelin com o seu pilot sporty (um bom pneu para o dia-a-dia e até para a chuva, mas que devido ao seu elevado perfil (que facilita a entrada em curva) a torna um pouco instável quando levada ao limite com uma tendência para largar sem avisar, ou o Pirelli Demon (menos comuns)).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]