Yamauchi Kazutoyo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estatua de Bronze de Yamauchi em Kōchi

Kazutoyo Yamauchi ( 山内一豊 , やまうちかつとよ?, também escrito Yamanouchi [1] , 1546 - 1 de novembro de 1605) foi daimyō do final do período Sengoku da História do Japão, filho de Yamanouchi Moritoyo da Província de Owari. Yamauchi detinha o título de Tosa no kami.

Yamauchi era vassalo de Oda Nobunaga entre 1565-1582, ano em que Nobunaga foi assassinado. Yamauchi lutou na Batalha de Anegawa e na Batalha de Nagashino. Após a morte de Nobunaga, Yamauchi foi vassalo de Toyotomi Hideyoshi. Sendo recompensado por isso com o Domínio de Kakegawa com renda de 50.000 koku. Na Batalha de Sekigahara em 1600, Yamauchi apoiou Tokugawa Ieyasu , levando mais de 2.000 homens nessa batalha, e capturou o Castelo Gifu. Como recompensa por suas conquistas, Yamauchi recebeu o Domínio de Tosa. Foi responsável por acabar com os rebeldes de Tosa, e para isso contou com o auxílio de Ii Naomasa , que enviou Suzuki Hyoe para esta finalidade [2] .

Yamauchi construiu o Castelo Kōchi. Apenas quatro anos depois de se tornar Daimyō de Tosa faleceu de morte matural com idade em torno de 60 anos, e foi sucedido por seu sobrinho Tadayoshi.



Precedido por
Ninguém
Daimyō de Kakegawa
1590-1600
Sucedido por
Matsudaira Sadakatsu
Precedido por
Chōsokabe Morichika
Daimyō de Tosa
1601-1605
Sucedido por
Yamauchi Tadayoshi



Referências

  1. Marius Jansen "Warrior Rule in Japan" (em inglês) Cambridge University Press, 1995 p. 211 ISBN 9780521484046
  2. Marius B Jansen "The Making of Modern Japan" (em inglês) Harvard University Press, 2009 pp. 52 - 53 ISBN 9780674039100
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.