Yip Man

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Yip Man
Nome de nascimento Yip Kai-Man
Data de nascimento 1 de outubro de 1893
Local de nascimento Foshan, Guangdong, China
Data de falecimento 2 de dezembro de 1972 (79 anos)
Local de falecimento Rua Tung Choi 149, Mong Kok, Kowloon, Hong Kong[1]
Modalidade Wing Chun
Outras informações
Alunos notáveis Bruce Lee

Wong Shun Leung

Duncan Leung

Yip Man - (Foshan, China da Dinastia Qing, 1 de outubro de 1893 - Hong Kong, China, 2 de dezembro de 1972 (aos 79 anos)) nasceu em uma família abastada, cujo templo era dirigido pelo Mestre Chan Wah Shun, "Wah, o Trocador de Dinheiro", do estilo Wing Chun (ou Ving Tsun) de Kung Fu.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

O garoto Yip Kai-Man foi o terceiro filho do casal Yip Oi-dor e Ng Shui, que eram de abastada família da província de Foshan.[3] O casal teve ao todo quatro rebentos: Yip Kai-Gak, o mais velho; Yip Wan-mei, a irmã, segunda cria; Yip Man; e Yip Wan-hum, a mais nova.

Yip Man treinou com o Mestre Wah até o seu falecimento, três anos depois. Nessa época ele se mudou para Hong Kong para prosseguir os estudos de graduação.[4]

Yip Man vivia se envolvendo em brigas onde sempre vencia graças à eficiência de seu wing chun. Um dia convidaram-no para enfrentar um senhor de seus 50 anos de idade, que diziam conhecer artes marciais. Ele aceitou imediatamente e procurou o homem para desafiá-lo. Este o olhou de alto a baixo e sorriu, perguntando se ele havia treinado com o venerável Mestre Chan Wah Shun, de Fatshan e se ele já havia aprendido o Chum-Kiu (segunda forma do estilo Ving Tsun).

Yip Man não ouviu o que o homem dizia, pois teria percebido que apenas um conhecedor do estilo poderia saber esses detalhes. Vendo que não havia outra alternativa, o homem disse que Yip Man poderia atacar como quisesse, que ele tentaria não machucá-lo. Isso enfureceu o adolescente, que atacou diversas vezes. O homem apenas esquivava seus golpes e o jogava ao chão até que Yip Man reconheceu sua derrota. O senhor finalmente se apresentou: era Leung Bik, o segundo filho do Grande Mestre Leung Jan, Leung Jan foi Sifu (mestre) de Chan Wah Shun, este por sua vez foi professor do Mestre de Yip Man.

Yip Man se desculpou e solicitou que o aceitasse como discípulo. Dessa forma Yip Man concluiu os estudos do Ving Tsun aos 24 anos, quando retornou a Foshan. De volta à sua terra natal, foi acusado de desertor e de ter aprendido outro estilo de Kung Fu. Levou muito tempo para convencer seus colegas do encontro com Mestre Leung.

Entre 1937 e 1941, Yip ajudou o exército chinês contra os japoneses, mas após a derrota voltou à terra natal. Depois da Segunda Guerra Mundial, já pai de família e com a sua fortuna arrasada pela guerra, fugiu para Hong Kong. Yip Man, fiel à promessa feita ao seu Mestre, primeiramente se recusou a ter alunos. Refinado e sem grandes dotes físicos, teve muita dificuldade para arranjar emprego, mas teve que dar aulas para poder sobreviver.

Finalmente foi convencido por um amigo a dar aulas de Kung Fu na Associação dos Trabalhadores em Restaurantes de Hong Kong. Com o passar do tempo juntou um punhado de discípulos com os quais fundou sua primeira academia. Seus alunos, entre eles o famoso Bruce Lee enfrentaram muitos desafios que tornaram o Wing Chun famoso e muito procurado.

Em 1967 ele fundou a Hong Kong Ving Tsun Athletic Association, entidade que ainda hoje representa aquele estilo em Hong Kong e foi o berço de todos os Grandes Mestres de Ving Tsun da atualidade.

Faleceu em 1972, vitimado por um câncer na laringe devido ao hábito de fumar.

Cinema[editar | editar código-fonte]

A história de Yip Man e, consequentemente, do Wing Chun, foi retratada na cronologia O Grande Mestre, estrelado por Donnie Yen. O filho mais velho de Yip Man, Ip Chun, aparece no longa caracterizando o personagem do mestre Leung Bik e também atua nos bastidores como o principal consultor do roteiro.

  • O Grande Mestre - Nasce Uma Lenda (2010)
  • O Grande Mestre (2008)
  • O Grande Mestre 2 (2010)
  • O Grande Mestre - A Batalha Final (2013)
  • The Grandmaster (2013)

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

TORRES, José Augusto Maciel, Kung Fu: a milenar arte macial chinesa: águia, bêbado, louva-a-deus, tai chi chuan, tigre, wing chun. São Paulo, On Line, 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Revista Rolling Stone. Acessado (ou visitado) em 01 de Outubro de 2013.

Wong Kar-Wai

Referências

  1. "影武者‧ 葉問次子葉正專訪 (Entrevista exclusiva com Ip Ching, o segundo filho de Ip Man)" (em chinês). Jornal semanal online Ming Pao. Retirado no dia 11 de dezembro de 2013. "旺角通菜街一百四十九號一個單位內, ... 傳奇的老者在那個單位的一張沙發上遽然離世。[Tradução livre: ... em uma das unidades da rua Tung Choi 149, Mong Kok, ... o lendário velho faleceu subitamente em um sofá.]"
  2. Lo Man Kam Wing Chun Kung Fu Slovakia, Slovensko (em eslovaco). Visitado em 20.dez.2011.
  3. Veľmajster Yip Man (em eslovaco). Visitado em 20.dez.2011.
  4. Životopis :: 葉問 ( Yip man ) (em eslovaco). Visitado em 21.dez.2011.