Yue Fei

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estatua de Yue Fei, de seu Mausoleu em Hangzhou. Huan wo he shan , os quatro ideogramas em sua bandeira, significam "Devolva meus rios e montanhas".
Nomes (details)
Conhecido como: Yue Fei
Chinês Tradicional: 岳飛
Chinês Simplificado: 岳飞
Hanyu Pinyin: Yuè Fēi
Nome de Cortesia: Pengju
Chinês Tradicional: 鵬舉
Chinês Simplificado: 鹏举
Hanyu Pinyin: Péngjǔ
Nome Póstumo: Wumu
Chinês Tradicional: 武穆
Chinês Simplificado: 武穆
Hanyu Pinyin: Wǔmù

Yue Fei (17 de Março de 110327 de Janeiro de 1142) foi um líder militar chinês patriota e nacionalista que combateu pela Dinastia Song contra o exército Jurchen da Dinastia Jin (1115-1234).

Sobre este lendário general chinês, também conhecido como Wu Mu, conta-se que certa vez venceu um exécito de vinte mil homens com apenas quinhentos soldados.

Foi traído por ministros do imperador que recebendo suborno do inimigo que não conseguia vencê-lo, acusaram-no de traidor e foi enforcado.

Segundo a lenda desenvolveu o estilo de arte marcial conhecido como Hsing-I Chuan. Outros estilos de arte marcial são creditados a ele mas não há provas (nem faz sentido pois naquela época era uma ofensa muito grande treinar alguma outra escola, e alguém quando defendia um método não poderia aprender ou ensinar outra escola).

A famosa tatuagem[editar | editar código-fonte]

A mãe de Yue Fei tatuando suas costas

Segundo a lenda, antes que saisse para se unir ao exército em 1122 a mãe de Yue Fei tatuou quatro ideogramas em suas costas: seu significado, "servir o país com lealdade" (Chinês Simplificado: 精忠报国, Chinês Tradicional: 精忠報國; pinyin: jīng zhōng bào guó). Esta tatuagem seria uma lembrança constante do seu dever de proteger a China a qualquer custo.

A Batalha de Zhuxian[editar | editar código-fonte]

Batalha de Zhuxian

Esta pintura mostra cenas da batalha decisiva na guerra entre a Dinastia Jin e a Dinastia Song, onde o general Yue Fei se destacou no combate à invasão do exército Jin. Na Batalha de Zhuxian, o exército Song esteve próximo da derrota, mas graças à coragem de seus oito generais conseguiu transformar a quase derrota numa vitória decisiva.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a China é um esboço relacionado ao Projeto Ásia. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.