Yuri Syomin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Yuri Syomin
Юрий Сёмин
Semin-.JPG
Informações pessoais
Nome completo Yuri Pavlovich Syomin
Data de nasc. 11 de maio de 1947 (67 anos)
Local de nasc. Oremburgo, Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg União Soviética
Informações profissionais
Posição Meia-atacante (aposentado)
Treinador
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1964
1965–1967
1968–1971
1972–1973
1974
1975–1977
1978–1980
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Spartak Oryol
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Spartak Moscou
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Dínamo Moscou
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Kairat Almaty
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Chkalovets Novosibirsk
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Lokomotiv Moscou
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Kuban Krasnodar
Times que treinou
1983–1985
1986–1990
1991
1992–2005
2005
2005–2006
2007–2009
2009–2010
2010–2012
2013–
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas Pamir Dushanbe
Rússia Lokomotiv Moscou
Nova Zelândia Seleção Olímpica
Rússia Lokomotiv Moscou
Flag of Russia.svg Rússia
Rússia Dinamo Moscou
Ucrânia Dínamo de Kiev
Rússia Lokomotiv Moscou
Ucrânia Dínamo de Kiev
Azerbaijão Gabala

Yuri Pavlovich Syomin (em russo: Юрий Павлович Сёмин - Oremburgo, 11 de maio de 1947) é um ex-futebolista e treinador de futebol russo que atualmente comanda o Gabala.

Infância[editar | editar código-fonte]

Syomin, também grafado como Semin, nasceu em 11 de maio de 1947 na cidade de Oremburgo. Sua família mudou-se para Oryol algum tempo mais tarde. Na infância, demonstrava interesse no futebol, hóquei sobre o gelo, voleibol e atletismo.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Como jogador[editar | editar código-fonte]

Com apenas 16 anos, enquanto ainda frequentava a escola, Semin iniciou sua carreira de jogador no Spartak Oryol, um time da Segunda Divisão da União Soviética.

Um ano mais tarde, ele foi contratado pelo Spartak de Moscou. Ele marcou os dois primeiros gols do Spartak em uma competição europeia (em 1966, contra o OFK Belgrado).

Aos 20 anos, Syomin mudou de equipe novamente, desta vez rumando ao Dínamo de Moscou, um dos maiores rivais do Spartak. Com este clube, ele conquistou o seu único troféu como jogador, a Taça Soviética de 1970.

Já no fim de sua carreira, ele se mudou para outros clubes. Semin jogou no Kairat Almaty (Cazaquistão), Novosibirsk Chkalovets, Lokomotiv Moscovo e Kuban Krasnodar. Ele terminou a sua carreira como jogador relativamente jovem, aos 33 anos.

Como treinador[editar | editar código-fonte]

Yuri Semin começou sua carreira de treinador em 1983, quando ele foi chamado para salvar o Pamir Dushanbe, uma equipe tajique que disputava a Primeira Liga. Semin conseguiu salvar o Pamir e foi reconhecido pelos tajiques pelo "milagre".

Em 1986, Syomin retorna ao Lokomotiv Moscou, onde passou 19 anos como treinador. Durante o período do seu trabalho. Semin também alcançou o sucesso na Taça, vencendo o Campeonato Soviético uma vez, a Copa da Rússia cinco vezes e chegar à semifinal da Taça dos Clubes Vencedores de Taças por duas vezes.

Em 2005, Syomin deixa o Lokomotiv para treinar a Seleção Russa de Futebol para ajudar o time a se classificar para a Copa do Mundo FIFA de 2006. Ele não conseguiu classificar a equipe para o Mundial da Alemanha e decidiu deixar a equipe nacional. Em novembro de 2005, Semin retornou como treinador do Dínamo Moscovo, mas foi despedido em 2006. Em 2007, ele retornou ao seu querido clube, o Lokomotiv Moscovo, desta vez como presidente, mas um ano depois, seu contrato foi rescindido devido à queda de rendimento da equipe. Desde 2008, Semin treina o Dínamo de Kiev.

Ícone de esboço Este artigo sobre um treinador de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.