Zabriskie Point (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde abril de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Zabriskie Point
Zabriskie Point (PT/BR)
 Estados Unidos
1970 • cor • 110 min 
Direção Michelangelo Antonioni
Elenco Mark Frechette
Daria Halprin
Rod Taylor
Género Drama
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Zabriskie Point é um filme de Michelangelo Antonioni lançado em 1970 que mostra o movimento de contracultura dos EUA na época.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O filme conta a história de um jovem casal — uma jovem secretária idealista e um militante radical — para passar uma mensagem "anti-establishment". O filme é assim chamado em lembrança do monumento natural Zabriskie Point, no Vale da Morte, na Califórnia, EUA.

Produção[editar | editar código-fonte]

Este filme teve como atores principais Mark Frechette e Daria Halprin, ambos sem experiência artística anterior. O cenário foi escrito por Antonioni, pelo amigo cineasta Franco Rossetti, pelo escritor de peças teatrais Sam Shepard, Tonino Guerra e Clare Peploe, esposa de Bernardo Bertolucci. O filme foi o segundo de uma série de três filmes em inglês que Antonioni filmou nos EUA, segundo um contrato com o produtor Carlo Ponti para ser distribuído pela MGM. Os outros dois filmes foram Blowup (1966) e The Passenger (1975).

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

A trilha sonora do filme, Zabriskie Point, apresenta canções de vários artistas, incluindo Pink Floyd, The Youngbloods, The Kaleidoscope, Jerry Garcia, Patti Page e Grateful Dead. Uma faixa dos Rolling Stones ("You Got the Silver") não apareceu no álbum da trilha sonora. As canções de Pink Floyd, Jerry Garcia e The Kaleidoscope foram escritas para o filme.

  • Não se pode esquecer da participação do Tangerine Dream na trilha sonora deste filme.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Harrison Ford tem um papel sem créditos como um dos estudantes da demonstração no posto de polícia.
  • Depois de terem feito o filme, Mark Frechette e Daria Halprin mudaram-se para a mesma comuna da Califórnia. Halprin casou-se com Dennis Hopper em 1972. Em 1973, Frechette participou de um assalto a banco no qual um de seus cúmplices, Christopher Thien, foi morto. Ele foi condenado a quinze anos de prisão, e morreu na prisão sob circunstâncias suspeitas.
  • O cerco da universidade foi filmado no Contra Costa College, em San Pablo, na Califórnia.
  • O ator ROD TAYLOR também participou do filme no papel de pai da personagem interpretada por Daria Halprin.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]