Zagórze (Sosnowiec)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde maio de 2012)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

Zagórze- um dos grandes bairros de Sosnowiec,Polónia completamente transformado com a construção de Huta Katowice (Siderurgia Katowice), o seu desenvolvimento chegou até Klimontów, o outro grande bairro de Sosnowiec. Nos anos 1967-1975 Zagórze era uma cidade independente do powiat de Będzin.Zagórze faz fronteira a Norte com a cidade de Dąbrowa Górnicza, a Leste com o bairro Kazimierz Górniczy e Porąbka, a Sul com o bairro Klimontów e Sielec e a Oeste com o bairro Środula. O nome do bairro vem do substantivo que significa «lugar atrás do monte» e data do século XIV.

POL Zagórze (Sosnowiec) COA

História

  • Séculos: XII - XIII, a primeira referência da existência da aldeia Zagórze.
  • Segunda metade do século XIV – os proprietários da aldeia Zagórze são os irmãos Mikołaj e Czader da família Gryfit.
  • Século XV – o povoado é propriedade de Jan Zagórski.
  • 1666 – Zagórze passa para as mãos da família Miroszewski.
  • 1869 – Zagórze torna-se na propriedade do capital francês que criou a Associação Das Minas e Da Siderurgia de Sosnowiec.
  • 15 julho 1959 – o atentado falhado contra o secretário-geral do Partido Comunista da União Soviética, Nikita Khrushchov.
  • 3 dezembro 1961 - o atentado falhado contra o secretário-geral do Partido Comunista da Pólonia, Władysław Gomułka.
  • 1 janeiro 1967 – Zagórze obtem os privilégios de cidade.
  • 1 junho 1975 – Zagórze perde os privilégios de cidade e junta com Sosnowiec.
  • 14 junho 1999 – visita de Papa João Paulo II, organizada durante a VII visita do Papa à Polónia.
  • 10 janeiro 2008 – abertura da Feira Internacional “Expo Silesia”.


Monumentos

  • Solar da família Miroszewski, de 1777.
  • Igreja de São Joaquim, construida entre 1848-1852
  • Castelo motte and bailey dos séculos XIV-XV, no lugar da sede dos cavaleiros, que pertencia à família Gryfit. O seu diâmetro mede mais ao menos 25 metros e a altura 7 metros. Supõe –se que o castelo foi construído em 1228, quando aqueles terrenos pertenciam a Klemens de Ruszcz. Na segunda metade do século XIV, os proprietários do castelo e da aldeia foram os irmãos Mikołaj e Czader, também da família Gryfit.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]