ZombiU

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ZombiU
Produtora Ubisoft Montpellier
Editora(s) Ubisoft
Plataforma(s) Wii U
Data(s) de lançamento Estados Unidos 18 de novembro de 2012[1]
União Europeia 30 de novembro de 2012
Austrália 30 de novembro de 2012[2]
Japão 8 de dezembro de 2012
Gênero(s) FPS, survival horror
Modos de jogo Single player, multiplayer
Classificação Inadequado para menores de 17 anos i CERO (Japão)
Inadequado para menores de 16 anos i DEJUS (Brasil)
Inadequado para menores de 17 anos i ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 15 anos i OFLCA (Austrália)
Inadequado para menores de 18 anos i PEGI (Europa)
Inadequado para menores de 16 anos i USK (Alemanha)
Permitido para maiores de 15 anos, especialmente a faixa de 15-17 anos ELSPA (Reino Unido)
Média Disco ótico para Wii U, distribuição digital
Controles Wii U GamePad

ZombiU (antes chamado Killer Freaks from Outer Space) é um survival horror em primeira pessoa, desenvolvido pela Ubisoft Montpellier para o console de jogo Wii U. O jogo é um dos títulos de lançamento do Wii U, lançado na América do Norte em 18 de novembro de 2012.[2] O jogador assume o controle de vários sobreviventes no decorrer do jogo.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

ZombiU é um survival horror em primeira pessoa cuja história se passa em Londres, onde o jogador assume o controle de um sobrevivente em meio a um apocalipse zumbi. O jogador pode colecionar vários itens e armas para ajudá-lo a enfrentar zumbis. Se o personagem controlado pelo jogador for morto por um zumbi, o que pode ocorrer com uma única mordida, o personagem morre permanentemente, e seu jogador assume o papel de outro sobrevivente. O personagem anterior passa a ser então um zumbi, que o jogador deve eliminar para recuperar seu inventário. Se o personagem estiver com Miiverse ativado, é possível que personagens de outros jogadores apareçam como zumbis carregando os itens que ele havia colecionado. O jogador também pode deixar pistas e anotações em paredes para que outros jogadores vejam quando estiverem se aventurando.

Os controles do jogo dependem muito dos recursos do Wii U GamePad. Durante um jogo normal, a tela tátil é utilizada para gerenciar o inventário do jogador e exibir um mapa dos arredores, mostrando a posição do jogador e de itens próximos. A tela também pode ser usada para ações contextuais, tais como trancar portas ou quebrar cadeados. O giroscópio do Wii U GamePad, que permite que o controlador entenda sua rotação e inclinação em três dimensões, também é utilizado: ao visualizar a tela do controlador, o jogador pode mover o controlador ao redor para observar e analisar áreas diferentes da região para encontrar itens. Ao desempenhar uma dessas ações, a perspectiva da televisão é alterada para um ponto de vista fixo em terceira pessoa, exibindo o personagem sendo controlado pelo jogador e os arredores. Neste estado, o jogador é vulnerável a ataques e deve, portanto, observar a tela tátil do Wii U GamePad e a tela da televisão para evitar perigos potenciais.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Há 400 anos, o astrônomo galês John Dee criou uma profecia apocalíptica chamada de "The Black Prophecy" ("A Profecia Negra"), que viria a ocorrer em 2012. O "Prepper", um ex-membro do exército, antecipa o apocalipse e se prepara, enquanto que uma sociedade secreta conhecida como Ravens of Dee estuda suas previsões em busca de um modo de impedi-las de ocorrer. Em novembro de 2012, a Black Prophecy começa como uma epidemia zumbi em Londres, Inglaterra. Os sobreviventes se refugiam no abrigo do Prepper, e um deles, o jogador, é escolhido para enfrentar os zumbis, com ajuda da líder dos Ravens, Sondra. Enquanto isso, um dos doutores da Rainha, Dr. Knight, busca pela panaceia do Palácio de Buckingham.

Recepção[editar | editar código-fonte]

 Recepção
Resenha crítica
Publicação Nota
1UP.com C+[3]
Edge 7/10[4]
Eurogamer 9/10[5]
G4 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg[6]
Game Informer 5/10[7]
GameSpot 4.5/10[8]
IGN 6.3/10[9]
Official Nintendo Magazine 92%
Joystiq 4.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svg[10]
Giant Bomb 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg[11]
Pontuação global
Publicação Nota média
Game Rankings 77.22%[12]
Metacritic 77/100[13]

O jogo recebeu críticas mistas e positivas. Ele possui uma pontuação total de 77 entre 100 pelo Metacritic.[14]

Eurogamer deu a ZombiU um 9/10, comentando que "ZombiU não é o FPS de lançamento que você obrigatoriamente tem que jogar, mas conta com um tempero original no gênero que não possui equivalente. Não é uma revolução, e não conta com o escopo nem com a variedade das mecânicas para competir com títulos renomados como Half-Life 2. Mas não deve desapontar a Ubisoft, e o sucesso ou não de ZombiU pode ser um fator decisivo para o Wii U."[15] Edge deu a ZombiU um 7/10, descrevendo-o como "um título que atrairá compradores impulsivos, novatos, e fãs da Nintendo com o alívio e a apreciação pelas novidades de jogo que o Wii U pode e irá continuar a oferecer."[16] Giant Bomb deu um 4/5, declarando ser um "jogo de ação inteligente, medonho, e incrivelmente difícil", e também "uma experiência que recompensa pela paciência e pune pela arrogância."[17]

Por outro lado, a IGN deu a ZombiU 6.3/10, citando seu esquema problemático de controles e combate corpo-a-corpo irritante.[18] GameSpot deu a ZombiU a menor nota, 4.5/10: "ZombiU é um jogo encapsulado no gênero errado (...) ZombiU poderia ter sido um ótimo jogo de ação, mas ao invés é um péssimo título entrando no gênero survival horror."[19] Game Informer deu um 5/10, dizendo que o jogo foi uma ideia mal executada.[20]

Ver também[editar | editar código-fonte]

  • Zombi, um jogo da Ubisoft de 1986 com nome e jogabilidade similares, onde o personagem controlado pelo jogador é transformado em um zumbi ao morrer

Referências

  1. Bakalar, Jeff (13 de setembro de 2012). O mais perto que chegamos de uma lista de títulos de lançamento para o Nintendo Wii U - Crave - CNET. News.cnet.com. Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  2. a b (2012) "Select – Nossa seleção de notícias da Nintendo". 'Official Nintendo Magazine' (48): 6-7. Nintendo. ISSN 1836-4276.
  3. Análise de ZombiU: testando as marés do Wii U. 1UP.com. Página visitada em 20 de novembro de 2012.
  4. Análise de ZombiU. Página visitada em 18 de novembro de 2012.
  5. Stanton, Rich (18 de novembro de 2012). Análise de ZombiU. Eurogamer. Página visitada em 18 de novembro de 2012.
  6. Análise de ZombiU para Wii U. Página visitada em 7 de janeiro de 2013.
  7. ZombiU - um mau começo ao catálogo do novo Wii U. GameInformer. Página visitada em 18 de novembro de 2012.
  8. Análise de ZombiU. GameSpot. Página visitada em 18 de novembro de 2012.
  9. Análise de ZombiU. IGN (18 de novembro de 2012). Página visitada em 18 de novembro de 2012.
  10. Análise de ZombiU: anarquia no Reino Unido. Joystiq. Página visitada em 19 de novembro de 2012.
  11. Análise de ZombiU. Giant Bomb. Página visitada em 20 de novembro de 2012.
  12. ZombiU para Wii U. GameRankings. Página visitada em 18 de novembro de 2012.
  13. ZombiU (Wii U). Metacritic. Página visitada em 18 de novembro de 2012.
  14. Análises críticas de ZombiU para Wii U. Metacritic. Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  15. Stanton, Rich (18 de novembro de 2012). Análise de ZombiU - Análises - Wii U. Eurogamer.net. Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  16. Análise de ZombiU. Edge Online. Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  17. Patrick Klepek (20 de novembro de 2012). Análise de ZombiU. Giant Bomb. Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  18. Greg Miller 18 Nov 2012 (18 de novembro de 2012). Análise de ZombiU. IGN. Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  19. Análise de ZombiU. GameSpot.com (18 de novembro de 2012). Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  20. Um mau começo ao catálogo do novo Wii U - ZombiU - Wii U. www.GameInformer.com (18 de novembro de 2012). Página visitada em 26 de novembro de 2012.
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «ZombiU».

Ligações externas[editar | editar código-fonte]