Zona eufótica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Em Ecologia, zona eufótica ou zona fótica é a parte de um ecossistema aquático que recebe luz solar suficiente para que ocorra a fotossíntese.

Mesmo em água clara, a intensidade de radiação decresce exponencialmente com a profundidade, e a fotossíntese é restrita principalmente aos 100 m superiores[1] . A profundidade da zona eufótica é bastante afetada pelas variações que ocorrem na turbidez da água. Dado que a zona eufótica é a única zona da coluna de água em que existe produtividade primária (algas, por exemplo), com excepção daquela associada a exalações hidrotermais, em zonas abissais e ao longo de cristas meso-oceânicas, a profundidade da zona fótica é em geral proporcional ao nível de produtividade primária existente na área.

A transparência da água, que determina a profundidade da zona eufótica, é medida com um Disco de Secchi.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Townsend, Colin R.; Michael Begon, John L. Harper. Fundamentos em Ecologia. 3. ed. [S.l.]: Blackwell Publishing, 2008. p. 162.