Ágis III

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ágis III
Morte 331 a.C.
Megalópolis
Progenitores Pai:Arquídamo III
Irmão(s) Eudâmidas I
Ocupação governante

Ágis III (em grego: Ἄγις) foi rei da cidade-Estado grega de Esparta de 338 a.C. até 331 a.C. ano da sua morte. Pertenceu à Dinastia Euripôntida.

Ágis era filho de Arquídamo III e morreu sem filhos, na batalha de Megalópolis contra Antípatro, sendo sucedido por seu irmão Eudâmidas I.[1][2]

Após a derrota, Antípatro exigiu que Esparta enviasse cinquenta jovens rapazes como reféns, mas o éforo Etéocles respondeu que não poderia enviar os jovens, porque eles não seriam educados com disciplina, e não poderiam se tornar cidadãos, oferecendo, em vez disso, o dobro em homens idosos ou mulheres. Antípatro respondeu com ameaças se não recebesse os jovens, ao que os espartanos responderam: Se as ordens que você impõe sobre nós são mais duras que a morte, nós achamos mais fácil morrer.[3]

Árvore genealógica baseada em Plutarco[1] com nome da mãe de Pausânias:[4]

Agesilau II
Arquídamo III
Deinichia
Ágis III
Eudâmidas I
Arquídamo IV
Eudâmidas II
Ágis IV

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Plutarco, Vidas Paralelas, Vida de Ágis (Ágis IV), 3.2
  2. Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 3.10.5
  3. Plutarco, Frases dos Espartanos, Várias frases de espartanos desconhecidos, 54
  4. Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 3.10.3
Precedido por
Arquídamo III
Rei euripôntida de Esparta
338 BC– 331 a.C.
Sucedido por
Eudâmidas I
Ícone de esboço Este artigo sobre reis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.