Álbuns mais vendidos do mundo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Out of date clock icon.svg
Este artigo ou seção pode conter informações desatualizadas.

Se sabe algo sobre o tema abordado, edite a página e inclua informações mais recentes, citando fontes válidas. Utilize o campo de resumo para uma breve explicação das alterações e, se achar necessário, apresente mais detalhes na página de discussão.

Michael Jackson, um dos artistas mais bem-sucedidos do mundo, além do álbum mais vendido de toda história com Thriller.

Esta é lista dos álbuns mais vendidos do mundo por ordem de número de vendas que começa com estimativas de 20 milhões de cópias. O álbum mais comercializado é Thriller, do cantor pop dos Estados Unidos Michael Jackson, com uma estimativa entre 65 a 100 milhões de cópias vendidas em todo o globo desde seu lançamento original, em 1982.[1][2] Logo em seguida, vem o grupo musical australiano AC/DC e seu álbum Back in Black, junto com a banda de rock britânica Pink Floyd com o disco The Dark Side of the Moon, ambos com 50 milhões de cópias vendidas. O álbum de greatest hits (maiores sucessos) mais bem-sucedido é o Their Greatest Hits (1971–1975) do Eagles, com mais de 42 milhões, e entre as trilhas sonoras, The Bodyguard de Whitney Houston com outras parcerias aparece na liderança com 45 milhões de cópias vendidas mundialmente. A segunda trilha sonora mais comercializada é a do segundo filme mais bem-sucedido de todos os tempos, Titanic, de James Horner; suas vendas ultrapassaram os 30 milhões em todo o planeta, e contém apenas uma faixa com letras: a canção "My Heart Will Go On", que é interpretada pela cantora canadense Céline Dion.

O espetáculo teatral mais visto/vendido do mundo é o O Fantasma da Ópera de Andrew Lloyd Webber lançado em 1986 nos EUA, com volume de vendas superior a 40 milhões de cópias.

Legenda[editar | editar código-fonte]

Cores

Álbuns de estúdio

Greatest Hits & Compilações

Trilha sonora

Mais de 50 milhões de cópias[editar | editar código-fonte]

Artista Álbum Lançado Gênero Vendas
Michael Jackson Thriller 1982 Pop / R&B / Rock / Dance 65–100 milhões[2][3]

Entre 40 e 50 milhões[editar | editar código-fonte]

Artista Álbum Lançado Gênero Vendas
AC/DC Back In Black 1980 Hard Rock 50–51 milhões[4][5]
Pink Floyd The Dark Side of the Moon 1973 Rock Progressivo 50 milhões[6]
Michael Jackson Bad 1987 Pop/ Rock/R&B 45 milhões[7][8]
Whitney Houston / Vários artistas The Bodyguard 1992 Trilha sonora 45 milhões[9][10]
Meat Loaf Bat Out Of Hell 1977 Hard Rock 43 milhões[11]
Eagles Their Greatest Hits (1971–1975) 1976 Rock 42 milhões[12]
Andrew Lloyd Webber O Fantasma da Ópera 1986 Teatro musical 40 milhões[13]
Bee Gees / Vários artistas Saturday Night Fever 1977 Trilha sonora 40 milhões[14]
Fleetwood Mac Rumours 1977 Rock 40 milhões[15]

Entre 30 e 39 milhões[editar | editar código-fonte]

Artista Álbum Lançado Gênero Vendas
Shania Twain Come on Over 1997 Country / Pop 39–40 milhões[5][16][17]
Mariah Carey Music Box 1993 Pop 32–39 milhões[18]
Led Zeppelin Led Zeppelin IV 1971 Rock 37 milhões[19]
Nirvana Nevermind 1991 Grunge / Rock Alternativo 35 milhões[20]
Alanis Morissette Jagged Little Pill 1995 Rock 33 milhões[21]
Céline Dion Falling into You 1996 Pop / Soft rock 32 milhões[22]
Eagles Hotel California 1976 Rock / Soft rock / Folk rock 32 milhões[23]
Michael Jackson Dangerous 1991 Pop / R&B / New jack swing 32 milhões[24]
The Beatles Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band 1967 Rock 32 milhões[25]
Vários artistas Dirty Dancing 1987 Trilha sonora 32–42 milhões[26][27][28]
Céline Dion Let's Talk About Love 1997 Pop 31 milhões[29]
The Beatles 1 2000 Rock 31 milhões[30]
Mariah Carey Daydream 1995 Pop / R&B 30 milhões[31]
Backstreet Boys Backstreet Boys 1997 Pop 30 milhões[32]
Backstreet Boys Millennium 1999 Pop 30–40 milhões[33][34][35][36]
Bee Gees Spirits Having Flown 1979 Disco / Pop 30 milhões[37]
Adele 21 2011 Pop / Soul / R&B 30 milhões[38]
Bruce Springsteen Born in the U.S.A. 1984 Rock 30 milhões[39]
Dire Straits Brothers in Arms 1985 Rock 30 milhões[40]
Elton John Goodbye Yellow Brick Road 1973 Poo rock / Soft rock / Progressive rock 30 milhões[41]
Guns N' Roses Appetite for Destruction 1987 Hard rock 30 milhões[42]
Iron Butterfly In-A-Gadda-Da-Vida 1968 Rock 30 milhões[43]
James Horner Titanic 1997 Trilha sonora 30 milhões[44]
Linkin Park Hybrid Theory 2000 Nu metal / Rap metal / Alternative rock 30 milhões[45]
Madonna The Immaculate Collection 1990 Pop / Dance 30 milhões[46]
Metallica Metallica 1991 Heavy metal / Thrash Metal 30 milhões[47]
Pink Floyd The Wall 1979 Progressive rock 30 milhões[48]
The Beatles Abbey Road 1969 Rock 30 milhões[49]

Entre 20 e 29 milhões[editar | editar código-fonte]

Artista Álbum Lançado Gênero Vendas
Bon Jovi Slippery When Wet 1986 Hard Rock 28 milhões[50]
Spice Girls Spice 1996 Pop 28–30 milhões[51][52]
Vários artistas Grease 1978 Trilha sonora 28 milhões[53]
Santana Supernatural 1999 Rock 27–30 milhões[54][55]
Hootie & the Blowfish Cracked Rear View 1994 Alternative rock 26 milhões[56]
ABBA ABBA Gold: Greatest Hits 1992 Pop 25–29 milhões[57][58][59]
Carole King Tapestry 1971 Pop 25 milhões[60]
Madonna Like A Virgin 1984 Pop / Dance 25 milhões[61]
Madonna True Blue 1986 Pop / Dance 25 milhões[62]
Norah Jones Come Away with Me 2002 Jazz 25–26 milhões[63][64]
Queen Greatest Hits 1981 Rock 25 milhões[65]
Simon & Garfunkel Bridge over Troubled Water 1970 Folk Rock 25 milhões[66]
U2 The Joshua Tree 1987 Rock 25 milhões[67]
Whitney Houston Whitney 1987 Pop / R&B 25 milhões[68]
Whitney Houston Whitney Houston 1985 Pop / R&B 25 milhões[69]
Britney Spears ...Baby One More Time 1999 Pop 25 milhões[70]
Mariah Carey Mariah Carey 1990 Pop / R&B 25 milhões[31]
Backstreet Boys Black & Blue 2000 Pop / R&B 24 milhões[36]
RBD Celestial 2006 Pop 23 milhões[71]
Ace of Base The Sign 1994 Pop 23 milhões[72]
TLC CrazySexyCool 1994 R&B / Hip Hop 23 milhões[73]
Cyndi Lauper She's So Unusual 1983 New Wave / Pop rock / Synthpop 22 milhões[74]
Oasis (What's the Story) Morning Glory? 1995 Britpop/Rock 22 milhões[75]
Ricky Martin Ricky Martin 1999 Pop 22 milhões[76]
Bon Jovi Cross Road 1994 Hard Rock 21 milhões[77]
Dido No Angel 1999 Pop 21 milhões[78]
Eminem The Marshall Mathers LP 2000 Rap, Hip Hop 21–32 milhões[79][80]
Adele 25 2015 Pop / Soul / R&B 20 milhões[81]
Mariah Carey #1’s 1998 Pop / R&B 21 milhões[31]
Amy Winehouse Back to Black 2006 Jazz / Soul / R&B 20 milhões[82]
Andrea Bocelli Romanza 1997 Pop / Operatic Pop 20 milhões[83]
Avril Lavigne Let Go 2002 Pop rock / Alternative rock 20 milhões[84]
Billy Ray Cyrus Some Gave All 1992 Country 20 milhões[85]
Blondie Parallel Lines 1978 Rock 20 milhões[86]
Bob Marley & The Wailers Legend 1984 Reggae 20–25 milhões[87][88][89]
Boston Boston 1976 Hard Rock 20 milhões[90]
Céline Dion The Colour of My Love 1993 Pop / Soft rock 20 milhões[91]
Cher Believe 1999 Pop / Dance 20 milhões[92]
Def Leppard Hysteria 1987 Hard Rock / Heavy Metal 20 milhões[93]
Enigma MCMXC a.D. 1990 New Age 20 milhões[94]
Eric Clapton Unplugged 1992 Country Blues / Folk rock 20 milhões[95]
George Michael Faith 1987 Pop / R&B 20 milhões[96]
Green Day Dookie 1994 Punk Rock 20 milhões[97]
Janet Jackson janet. 1993 Pop / R&B 20 milhões[98]
Lionel Richie Can't Slow Down 1983 Pop / R&B 20 milhões[99]
Madonna Ray of Light 1998 Pop / Dance 20 milhões[100]
Michael Jackson HIStory: Past, Present and Future, Book I 1995 Pop / R&B 20 milhões[101]
Michael Jackson Off the Wall 1979 Pop / R&B 20 milhões[102]
Phil Collins No Jacket Required 1985 Pop / Rock 20 milhões[103]
Prince & the Revolution Purple Rain 1984 Rock 20 milhões[53]
Shakira Laundry Service 2001 Pop, Rock 20 milhões[104]
Shania Twain The Woman in Me 1995 Country / Pop 20 milhões[105]
Spice Girls Spiceworld 1997 Pop 20 milhões[106]
Supertramp Breakfast in America 1979 Rock progressivo / Art Rock 20 milhões[107][108]
Tina Turner Private Dancer 1984 Rock 20 milhões[109]
Toni Braxton Secrets 1996 R&B / Pop 20 milhões[110]
Usher Confessions 2004 R&B 20 milhões[111][112]
Mariah Carey Butterfly 1997 Pop / R&B 20 milhões[31]

Notas e referências

  1. «Biggest-selling Album Ever». Guinness dos Recordes. Recuperado con Internet Archive. Consultado em 22 de novembro de 2011. 
  2. a b Marty Gitlin. «The Baby Boomer Encyclopedia». Guinness dos Recordes. Consultado em 7 de dezembro de 2012. 
  3. «'Thriller', de Michael Jackson, bate novo recorde 33 anos após lançamento». Folha de S.Paulo. UOL. 16 de dezembro de 2015. Consultado em 14 de janeiro de 2017. 
  4. Ma, Kai (6 de junho de 2011). «Heavy Metal Under the Sea: Sharks Act Calmer When Listening to AC/DC» (em inglês). Time. A fonte afirma que o álbum teve 50 milhões de cópias vendidas 
  5. a b Andrade, Juliana (19 de dezembro de 2013). «14 Álbuns mais vendidos de todos os tempos». Guia da Semana. Consultado em 9 de junho de 2015.. A fonte afirma que Back In Black teve 51 milhões de cópias vendidas e Come on Over 40 milhões 
  6. Bakich, Michael (10 de julho de 2009). «The Moon has a dark side». The New York Times. Ermes Consumer. Consultado em 28 de novembro de 2009. 
  7. «Michael Jackson is still "Bad," 25 years after album». Reuters. 21 de maio de 2012. Consultado em 17 de maio de 2015. 
  8. «Michael Jackson's Bad To Get 25Th Anniversary Release». Contact Music. 21 de maio de 2012. Consultado em 17 de maio de 2015. 
  9. Hlavaty, Craig (13 de fevereiro de 2012). «Whitney Houston: An Overview of Her Films». Houston Press. Consultado em 30 de junho de 2012. 
  10. «Adele's 21 Closing in on Billboard Charts Record». Black Entertainment Television. 26 de janeiro de 2012. Consultado em 30 de junho de 2012. 
  11. «DAS Communications' Artists Dominate Global Music Charts». Reuters. Consultado em 7 de agosto de 2009. 
  12. «Soccer and music fans sound off». Find Articles. 20 de junho de 2005. Consultado em 9 de dezembro de 2008. 
  13. «The Phantom of the Opera to Celebrate 21st Birthday on January 26». Broadway World. Consultado em 18 de abril de 2009. 
  14. «Record Breakers and Trivia : Albums». everyhit (em inglês). Consultado em 19 de janeiro de 2010. 
  15. «Stars Salute 'Rumours'». Billboard Bulletin, page 7. 6 de fevereiro de 1998. Consultado em 3 de maio de 2009. 
  16. Harris, Bill (6 de novembro de 2005). «Biopic looks at Twain's early years» (em inglês). CANOE. Consultado em 3 de junho de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 39 milhões de cópias vendidas 
  17. Corner, Lewis (11 de abril de 2011). «Lady GaGa works with AC/DC producer» (em inglês). Digitalspy.co.uk. Consultado em 3 de junho de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 39 milhões de cópias vendidas 
  18. «The Catch-Up: Your guide to Mariah Carey's glittering career». Entertainment Weekly (em inglês). 12 de agosto de 2018. Consultado em 20 de janeiro de 2013. 
  19. «Led Zeppelin: A complete guide to the band's studio albums». The Independent. Consultado em 7 de dezembro de 2007. 
  20. McCormick, Neil (5 de abril de 2014). «Remembering Kurt Cobain». The Star. Consultado em 20 de setembro de 2015. 
  21. «Glen Ballard: Biography». Glen Ballard Official Site. Consultado em 3 de maio de 2008. 
  22. «The 50 best-selling albums ever». NME.com. 21 de outubro de 2010. Consultado em 16 de maio de 2015.. Imagem número 15 cita o álbum da Céline 
  23. Sauro, Tony (29 de setembro de 2011). «'Back to basics' with Don Henley» (em inglês). recordnet.com. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  24. «Michael Jackson sulla sedia a rotelle». AffarItaliani.it. 11 de julho de 2008. Consultado em 10 de maio de 2009. 
  25. «Back in the Day: Sgt. Pepper taught the band to play». Euronews. 6 de janeiro de 2011. Consultado em 9 de maio de 2015. 
  26. Lee, Chris (10 de maio de 2009). «'Dirty Dancing,' the mega-hit musical». Los Angeles Times. Consultado em 16 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 32 milhões de cópias vendidas 
  27. Taneja, Nikhil (9 de dezembro de 2008). «Those chart busters». Hindustan Times. Consultado em 16 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 32 milhões de cópias vendidas 
  28. «'There's a secret dancer inside us all'». The Daily Telegraph. 22 de setembro de 2006. Consultado em 17 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 42 milhões de cópias vendidas 
  29. Anderson, Jason (15 de junho de 2009). «Learning to Love Celine Dion». The Globe and Mail. CTVglobemedia Inc. Consultado em 27 de dezembro de 2009. 
  30. Lewis, Randy (8 de abril de 2009). «Beatles' catalog will be reissued September 9 in remastered versions». Los Angeles Times. Consultado em 2 de maio de 2009. 
  31. a b c d «Mariah Carey's News». The London Paper. 31 de março de 2008. Consultado em 31 de março de 2008. 
  32. «Great Albums: Teen Beat». MP3.com. 17 de junho de 2006. Consultado em 30 de novembro de 2008. 
  33. Grossberg, Josh (25 de julho de 2007). «Backstreet Boys Unite». E! Online. Consultado em 19 de julho de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 30 milhões de cópias vendidas 
  34. «Backstreet Boys to become comic heroes». BBC News. BBC. 15 de fevereiro de 2000. Consultado em 19 de julho de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 30 milhões de cópias vendidas 
  35. «Backstreet Boys Coming to Korea». The Korea Times. 27 de janeiro de 2008. Consultado em 19 de julho de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 40 milhões de cópias vendidas 
  36. a b Fulton, Rick (26 de outubro de 2007). «Taking It Back». Daily Record. Consultado em 19 de julho de 2015.. Cópia arquivada em 1 de maio de 2008. A fonte afirma que o álbum teve 40 milhões de cópias vendidas 
  37. «The Bee Gees on MSN Music». Microsoft. Consultado em 3 de maio de 2008. 
  38. «Adele's '25' Sells Record-Shattering 3.38 Million Copies». The New York Times (em inglês). 4 de janeiro de 2017. Consultado em 9 de outubro de 2017.. Cópia arquivada em 26 de setembro de 2017 
  39. «Born In The USA». Virgin. Consultado em 9 de dezembro de 2008. 
  40. «Mark Knopfler hurt in crash». BBC. 18 de março de 2003. Consultado em 3 de maio de 2008. 
  41. Savage, Mark (24 de março de 2014). «Elton John: On the Yellow Brick Road». BBC News (em inglês). BBC. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  42. «Column - Still hungry? 25 years of Guns'N'Roses' Appetite For Destruction». QTheMusic.com. 8 de setembro de 2012. Consultado em 9 de maio de 2015.. Arquivado do original em 11 de março de 2014 
  43. «LIFETIME AWARD». San Diego CityBeat. 7 de setembro de 2010. p. 27 
  44. «Celine Dion». Hello!. Consultado em 3 de maio de 2008. 
  45. «Linkin Park's 'Hybrid Theory': A track-by-track breakdown and what the lyrics mean» (em inglês). Alternative Press. 24 de outubro de 2017. Consultado em 28 de dezembro de 2017. 
  46. «Girl gone wild: is it time for Madonna to grow up?». The Irish Times. 23 de março de 2012. Consultado em 12 de junho de 2015. 
  47. «Metallica headline Download». skynews.com.au. 31 de janeiro de 2012. Consultado em 11 de julho de 2012. 
  48. «On this day in entertainment, November 30, 2006». Metro.co.uk. Consultado em 15 de agosto de 2009. 
  49. «Back in the Day: Abbey Road hits the shelves» (em inglês). Euronews. 26 de setembro de 2011. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  50. Thompson, Bronwyn. «On a steel horse Bon Jovi rides to top of the charts». dailytelegraph (em inglês). Consultado em 19 de janeiro de 2010. 
  51. «Spice Girls reunion: Is a comeback possible?». BBC. 18 de fevereiro de 2003. Consultado em 17 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 28 milhões de cópias vendidas 
  52. Sickels, Robert C. A fonte afirma que o álbum teve 30 milhões de cópias vendidas. «100 Entertainers Who Changed America: An Encyclopedia of Pop Culture». Greenwood (em inglês): 205–206. Consultado em 3 de maio de 2015. 
  53. a b «Those chart busters». The Hindustan Times. 9 de dezembro de 2008. Consultado em 18 de abril de 2009. 
  54. «Pete Ganbarg Named Atlantic Executive VP of A&R». Warner Music Group. 24 de novembro de 2008. Consultado em 17 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 27 milhões de cópias vendidas 
  55. Herald, Deccan (18 de novembro de 2012). «Viva Santana!». Deccan Herald. Consultado em 16 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 30 milhões de cópias vendidas 
  56. «Sound Off with Matt Pinfield». HDTV. Consultado em 27 de novembro de 2008. 
  57. Taylor, Chuck (18 de julho de 2008). «Whoa, 'Mamma!': ABBA Mania Back In Swing/». Billboard. Consultado em 11 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 25 milhões de cópias vendidas 
  58. Democratic, Hunterdon County (17 de julho de 2011). «Experience Abba The Concert at annual balloon festival in Readington». NJ.com. Consultado em 11 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 28 milhões de cópias vendidas 
  59. «ABBA Gold». CarlosMagnusPalm.com. 3 de abril de 2010. Consultado em 16 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 29 milhões de cópias vendidas 
  60. Rosen, James (19 de abril de 2012). «'A Natural Woman' by Carole King» (em inglês). The Boston Globe. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  61. «Madworld» 
  62. Kaufman, Gil (29 de março de 2012). «Madonna And Lionel Richie To Reunite On Billboard Charts?» (em inglês). MTV. Consultado em 3 de maio de 2015. 
  63. Talbott, Chris (17 de março de 2012). «Norah Jones to play entire new album at SXSW» (em inglês). Deseret News. Consultado em 9 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 25 milhões de cópias vendidas 
  64. Brown, Helen (27 de abril de 2012). «Norah Jones, Little Broken Hearts, CD review». Telegraph. Consultado em 15 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 26 milhões de cópias vendidas 
  65. «Photo Gallary - 50 years of pop». BBC. 2002. Consultado em 18 de maio de 2008. 
  66. «Simon and Garfunkel heading to NZ». The New Zealand Herald. 2 de abril de 2009. Consultado em 18 de abril de 2009. 
  67. «The Joshua Tree». Virgin. Consultado em 9 de dezembro de 2008. 
  68. Boshoff, Alison (13 de fevereiro de 2012). «Doomed to self-destruct: No one could save Whitney Houston as she blew £100m and sought oblivion in crack cocaine» (em inglês). Daily Mail Online. Consultado em 11 de maio de 2015. 
  69. «Whitney Houston». Music Fix, MSN. Consultado em 4 de junho de 2008. 
  70. «What's Turning 20 in 2018». Kiss925.com. Consultado em 4 de junho de 2008. 
  71. «Grupo mexicano RBD fará visita ao Brasil». Extra Online 
  72. «Ace of Base DigitalSpy». DigitalSpy. Consultado em 30 de novembro de 2008. 
  73. Battersby, Matilda (5 de novembro de 2012). «TLC plan first album since Lisa 'Left Eye' Lopes' death». The Independent. Consultado em 3 de maio de 2015. 
  74. Duerden, Nick (4 de abril de 2014). «Cyndi Lauper interview: She's still having fun» (em inglês). The Independent. Consultado em 15 de maio de 2015. 
  75. «'Who wants to be a drug addict at 41?'». Guardian. 6 de dezembro de 2008. Consultado em 31 de agosto de 2008. 
  76. Stevenson, Jane (11 de abril de 2011). «Martin wants to be a dad again» (em inglês). CANOE. Consultado em 3 de maio de 2015. 
  77. «Bon Jovi scores Incredible Chart Hit Around the World». outside-org.co.uk. Consultado em 17 de dezembro de 2011. 
  78. «Music to watch girls by». Times Newspapers, Ltd. 25 de março de 2005. Consultado em 15 de maio de 2008. 
  79. Borgmeyer, John; Lang, Holly (2007). Dr. Dre: A Biography (em inglês). A fonte afirma que o álbum teve 21 milhões de cópias vendidas. Estados Unidos: Greenwood Biographies. 120 páginas. ISBN 0-313-33826-4 
  80. Staff, Dx (11 de dezembro de 2014). «Power Brokers: 9 Of Hip Hop's Most Powerful Emcees Turned A&Rs». HipHopDx. Consultado em 15 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 32 milhões de cópias vendidas 
  81. McIntyre, Hugh (24 de junho de 2016). «Adele's '25' Is Now Available In Full On Streaming Platforms For The First Time». Forbes (em inglês). Consultado em 20 de julho de 2016.. Cópia arquivada em 20 de julho de 2016 
  82. David Bauder (19 de Junho de 2012). «Amy Winehouse: Singer's father details cycle of addiction» (em inglês). The Washington Times. Consultado em 2 de Dezembro de 2012. 
  83. Joy, Kevin (27 de novembro de 2011). «Crossover superstar Andrea Bocelli finds beauty in wide range of music». The Columbus Dispatch. Consultado em 27 de novembro de 2011. 
  84. Bell, Bell (29 de março de 2005). «Avril sets 'Dome date». CANOE. Consultado em 2 de maio de 2015. 
  85. «Billy Ray Cyrus appeals to a whole new crowd». Pittsburgh Post-Gazette. 10 de abril de 2009. Consultado em 24 de abril de 2009. 
  86. «Blondie celebrating 30th birthday of 'Parallel Lines'». AzCentral. 20 de junho de 2008. Consultado em 30 de novembro de 2008. 
  87. «Top Earners for 2004». Forbes. Consultado em 17 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 20 milhões de cópias vendidas 
  88. «Rolling in the money». iAfrica.com. Consultado em 17 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 20 milhões de cópias vendidas 
  89. Holden, Stephen (19 de abril de 2012). «Reggae's Mellow King, Defined by a Legacy He Couldn't Outrun». NYTimes.com. Consultado em 16 de maio de 2015.. A fonte afirma que o álbum teve 25 milhões de cópias vendidas 
  90. «THE TUBES THE TUBES». Classic Rock. Setembro de 2010. p. 60. Consultado em 24 de março de 2012. 
  91. Ball, Ball. «This Week in History: December 12 to 18» (em inglês). Canadian Music Hall of Fame. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  92. «Don't Call it a Comeback». Rolling Stone. 23 de janeiro de 2007. Consultado em 3 de maio de 2008. 
  93. «One Giant Leppard». NZ Herald. Consultado em 30 de novembro de 2008. 
  94. «Enigma». ABC Jazz. Consultado em 20 de novembro de 2009. 
  95. Gambaccini, Paul (6 de outubro de 2012). «"For One Night Only, Series 7, Eric Clapton Unplugged"». BBC Radio 4 (em inglês). BBC. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  96. «George Micahel at HP Pavilion at San Jose». Yahoo Inc. 24 de março de 2008. Consultado em 3 de maio de 2008. 
  97. «Bestsellers» 
  98. «Janet Jackson set for return to form». ABC News. 22 de janeiro de 2008. Consultado em 5 de maio de 2009. 
  99. Lamb, Bill. «Lionel Richie». top40.about (em inglês). Consultado em 19 de janeiro de 2010. 
  100. «Entertainment Madonna: mad for fame at 40». BBC. BBC Online. 15 de agosto de 1998. Consultado em 16 de novembro de 2009. 
  101. Putti, Laura (24 de agosto de 2001). «Il nuovo Michael Jackson fa un tuffo nel passato». La Repubblica. Consultado em 10 de maio de 2009. 
  102. «Off the Wall». Virgin. Consultado em 9 de dezembro de 2008. 
  103. Williams, Chris (10 de dezembro de 2011). «Phil Collins' No Jacket Required album revisited with co-writer Daryl Stuermer | Return To The Classics» (em inglês). SoulCulture. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  104. «SHAKIRA AND ENRIQUE IGLESIAS JOIN LINE-UP FOR LIVE EARTH HAMBURG» (em inglês). PRNewswire.com. 7 de julho de 2007. Consultado em 3 de maio de 2015. 
  105. How the Left Lost Teen Spirit-- (and how They're Getting it Back). [S.l.]: Akashic Books. 1 de maio de 2005. p. 228. Consultado em 13 de abril de 2012. 
  106. Sinclair, David. «The Prefab Five are back. Are you ready?». The Times. Consultado em 17 de julho de 2008. 
  107. Doran, John (29 de outubro de 2010). «Supertramp: Breakfast in America review». BBC. Consultado em 18 de junho de 2012. 
  108. Todd, Ben (8 de outubro de 2010). «Supertramp feud as Roger Hodgson accuses former bandmate Rick Davies of playing 'his songs'». Daily Mail. Consultado em 18 de junho de 2012. 
  109. «Tina Turner Biography». A&E Television Networks. 2007. Consultado em 3 de maio de 2008. 
  110. Henry, Krista (19 de julho de 2009). «Oh Toni! - Braxton ready to charm Sumfest with her distinctive sound» (em inglês). The Gleaner. Consultado em 11 de maio de 2015.. Arquivado do original em 22 de julho de 2009 
  111. «Usher». EMI Music Publishing. Consultado em 30 de novembro de 2008. 
  112. «Usher». Vogue.it (em inglês). 25 de outubro de 2011. Consultado em 26 de setembro de 2014.