Álefe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Álefe (desambiguação).
Sistemas de escrita semíticos
ProtossinaíticoUgarítico
FenícioPaleo-hebraico
Árabe antigo meridional
Fenício Álefe
Hebraico
א
Aramaico Álefe
Siríaco
ܐ
Árabe
Representação fonêmica ʔ
Posição no alfabeto 1
Valor numérico 1
Alfabetos derivados do fenício
Grego Α
Latim A
Cirílico А
Álefe


Álefe[1] ou alefe[2] é a primeira letra de vários abjads semíticos, incluindo o fenício (𐤀, ʾālep), o hebraico (א, ʾālef), o aramaico (𐡀, ʾālap), o siríaco (ܐ, ʾālap̄) e o árabeا, alif. Também aparece no saudi-árabe antigo (𐩱, alef), e no etíope (, ʾälef).

Origem[editar | editar código-fonte]

O nome aleph ou álufe em hebraico antigo, é derivado de uma palavra do semítico ocidental, cujo pictograma original significa "boi" (como na palavra hebraica bíblica Eleph (אֶלֶף) 'boi'),[3] "poder", "autoridade"[4] e a forma da letra deriva de um glifo protossinaítico que pode ter sido baseado em um hieróglifo egípcio, que representa a cabeça de um boi.[5]

O álefe originou-se na letra fenícia (𐤀, ʾālep), cuja variante deu origem à letra grega alfa (Α, alpha), a letra A do alfabeto latino e seu equivalente cirílico, А. O alfa grego não significava a parada glotal, mas sim a vogal /a/. O álefe não possui sonorização e é utilizado apenas para indicar uma vogal sem acompanhamento de uma consoante.

Hieróglifo Protossinaítico Fenício Paleo-hebraico
F1
Aleph Aleph Aleph

Álefe hebraico[editar | editar código-fonte]

O álefe (em hebraico: א, cujo nome em hebraico moderno é אָלֶף, translit. ʾālef; AFI[ʔalɛf], em hebraico e sefardita; AFI[ʔaləf], em iídiche) representa a separação de duas vogais adjacentes em sílabas distintas, sem consoante intermediáriatambém representa uma oclusiva glotal ([ʔ]) ou indica um hiato (a separação de duas vogais adjacentes em sílabas distintas, sem consoante intermediária).

O hebraico é um idioma silábica onde somente as consoantes são representadas e as vogais são apenas anexadas através de pontos de leitura, somente presentes em hinários e livros infantis.

Na cabala o álefe ou alef tem seu papel fundamental em toda a mística.[6]

Na gematria, aleph representa o número 1 e, quando usado no início dos anos hebraicos, significa 1000 (por exemplo, א'תשנ"ד em números seria a data hebraica de 1754, não deve ser confundida com 1754 EC. Geralmente, simboliza o início de algo.

Codificação[editar | editar código-fonte]

Unicode UTF-16 U+05d0
Nome Unicode HEBREW LETTER ALEF
HTML א
ISO 8859-8 0xe0

Álefe árabe[editar | editar código-fonte]

No árabe moderno a palavra em árabe: أليف (AFI[ʔaliːf]) significa literalmente 'domesticado' ou 'familiar', derivado da raiz |ʔ-l-f|, do qual o verbo ألِف (AFI[ʔalifa]) significa 'estar familiarizado com; ter intimidade com'.[7]

Historicamente, o álefe representava tanto a oclusiva glotal ⟨ʔ⟩ (geralmente transliterada com o apóstrofo ⟨ʼ⟩ ou o semicírculo superior direito ⟨ʾ⟩) quanto a vogal longa /aː/. Isso no entanto levou a uma confusão ortográfica e à introdução de um símbolo para indicar a parada glotal: o hamza (ﺀ), que geralmente fica em cima ou embaixo do álefe, do yāʾ ou do waw.

O álefe mada (ﺁ) é uma letra especial que representa a vogal longa junto com a parada glotal (ʾā) ou a vogal curta entre duas paradas glotais (ʾaʾ).

O álefe maqueçura (ﻯ) representa a vogal longa ā (o mesmo som de um álefe regular /aː/), mas só deve aparecer no final da palavra.

O álefe, ao contrário da maior parte das letras árabes, só tem duas formas (sem contar os álefes especiais):

Isolada Final

Alap e olaph siríacos[editar | editar código-fonte]

Alaph
Syriac Eastern alap.svg Madnḫaya Alap
Syriac Serta alap.svg Serṭo Olaph
Syriac Estrangela alap.svg Esṭrangela Alap

No alfabeto siríaco, alap, em dialetos orientais, ou olaph, em dialetos ocidentais (em siríaco: ܐ, ܐܵܠܲܦ) é usado na posição inicial de uma palavra para assinalar uma palavra que começa com vogal, embora algumas palavras que começam com i ou u não precisem de sua marcação e, às vezes, um alap ou olaph inicial é produto de uma elisão. Por exemplo, quando o pronome da primeira pessoa singular em siríaco, ܐܵܢܵܐ está em posição enclítica, é pronunciado no (ocidental) ou na (oriental), ao invés da forma completa eno/ana. A letra ocorre muito regularmente no final das palavras, onde representa as vogais finais longas o/a ou e. No meio da palavra, a letra representa uma oclusiva glotal entre duas vogais (mas a pronúncia do siríaco ocidental às vezes torna a oclusiva glotal uma aproximante palatal), um longo i/e (menos frequente, o/a) ou é silenciosa.

Saudi-árabe e etíope[editar | editar código-fonte]

No alfabeto saudi-árabe antigo, alef (𐩱) aparece como a décima sétima letra do abjad da Arábia do Sul. A letra é usada para renderizar a oclusiva glotal /ʔ/.

Na escrita etíope, o álefe (, ʾälef) aparece como a décima terceira letra do abjad etíope. Esta letra também é usada para renderizar a oclusiva glotal /ʔ/.

Saudi-árabe Etíope
2𐩱

Outros usos[editar | editar código-fonte]

Na matemática[editar | editar código-fonte]

Na teoria dos conjuntos, o glifo hebraico ℵ (aleph) é usado como símbolo para denotar os números aleph, que representam a cardinalidade de conjuntos infinitos. Esta notação foi introduzida pelo matemático Georg Cantor. Em livros de matemática mais antigos, a letra álefe ou aleph foi muitas vezes impressa de cabeça para baixo por acidente, em parte porque uma matriz Monotype para aleph foi erroneamente construída de forma incorreta.

Na ficção[editar | editar código-fonte]

Na literatura, o escritor argentino Jorge Luís Borges denomina de "Álefe" o ponto que contém todo o universo. Como em uma epifania, "Álefe" é uma compreensão universal através da observação de um ponto que reúne "tudo ao mesmo tempo, e agora".

Álefe é o nome do personagem interpretado pelo ator Hugo Bonemer em Rock in Rio - O Musical tida como a primeira superprodução musical nacional e demarcando uma nova fase na produção teatral.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Álefe». Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa. Michaelis 
  2. "alefe". Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa
  3. «Strong's Hebrew: 504. אֲלָפִים (eleph) -- cattle». biblehub.com. Consultado em 15 de setembro de 2021 
  4. Benner, Jeff A. (2005). «The Reconstructed Alphabet». The ancient Hebrew lexicon of the Bible : Hebrew letters, words and roots defined within their ancient cultural context. College Station, TX: Virtualbookworm.com Publishing. OCLC 61453783 
  5. «Meet The Animal That Inspired The Letter A». Dictionary.com (em inglês). 31 de outubro de 2014. Consultado em 15 de setembro de 2021 
  6. hebraicopro. «Alefbet». Consultado em 3 de fevereiro de 2017 
  7. Wehr, Hans (1994). A Dictionary of Modern Written Arabic: (Arabic-English) (em inglês) 4th ed. Urbana: Spoken Language Services. 28–29. ISBN 0879500034  Verifique o valor de |url-access=limited (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.