Álvaro Eugénio Neves da Fontoura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Álvaro Eugénio Neves da Fontoura
Lesser coat of arms of Portuguese Timor.svg
Governador do Timor português
Período 11 de setembro de 1937 - 10 de maio de 1940
Dados pessoais
Nascimento 24 de julho de 1891
Portugal Bragança
Morte 16 de dezembro de 1975 (83 anos)
Portugal Lisboa
Nacionalidade Portuguesa
Primeira-dama Mariana Adelaide Santos de Lemos
Profissão Coronel

Álvaro Eugénio Neves da Fontoura OAComAComICComIP (Bragança, 24 de julho de 1891 - Lisboa, 16 de dezembro de 1975) foi um político e militar português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filho de Constantino da Fontoura de Madureira Guedes, Coronel de Infantaria, e de sua mulher Maria Eugénia Ribeiro Neves e irmão de Hermínia Alice Neves da Fontoura (Porto, Cedofeita, 24 de Setembro de 1892 - Cascais, Estoril, São Pedro do Estoril, 25 de Agosto de 1942), casada em Lisboa, Anjos, a 7 de Fevereiro de 1920 com Júlio Garcês de Lencastre (Porto, Cedofeita, 5 de Agosto de 1882 - Cascais, Estoril, São Pedro do Estoril, 5 de Março de 1970).[1]

Era licenciado em engenharia civil pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.[2][3][4]

Foi professor do Colégio Militar entre os anos de 1925 a 1937, da Escola Superior Colonial entre 1932 a 1947 e do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas Ultramarinas da Universidade Técnica de Lisboa entre os anos de 1939 e 1961.

Exerceu o cargo de Governador do Timor português entre o dia 11 de setembro de 1937 e o dia 10 de maio de 1940, tendo sido antecedido pelo capitão de artilharia Eduardo Berardo Lapido Loureiro e sucedido por capitão de engenharia António Jacinto Nunes.[5]

Foi chefe de gabinete do Ministro das Colónias, Francisco José Vieira Machado, de 1940 a 1944, presidente da Junta Central de Trabalho e Emigração do Ministério do Ultramar de 1937 a 1960 e Diretor dos Caminhos de Ferro de Moçambique.

Atingiu, pelo menos, o posto de Major.

Como parlamentar participou como deputado da IV Legislatura (1945 - 1949) pelo círculo eleitoral de Macau.

Casou-se em Lisboa, no ano de 1916, com Mariana Adelaide Santos de Lemos, com quem teve três filhos, entre os quais Álvaro Nuno de Lemos da Fontoura.

O Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa publicou o "Álbum Fontoura" no dia 5 de março de 2003 na Fundação Mário Soares.

Condecorações[editar | editar código-fonte]

Foi condecorado quatro vezes em Portugal, por presidentes da República. A primeira vez foi condecorado com o grau de Oficial da Ordem Militar de Avis a 6 de Novembro de 1929, pelo presidente da República, Óscar Carmona, a segunda vez com o grau de Comendador da Ordem do Império Colonial, a 14 de Novembro de 1936, pelo mesmo presidente, tendo sido, entretanto, feito Comendador da Ordem do Império Britânico da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte a 16 de Dezembro de 1939, a terceira vez foi também agraciado pelo mesmo com o grau de Comendador da Ordem Militar de Avis, a 16 de Novembro de 1946. Finalmente, foi agraciado pelo presidente da República, Américo Thomaz, com o grau de Comendador da Ordem da Instrução Pública, a 11 de Julho de 1961.[6][7][8]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Fernando de Castro da Silva Canedo (2.ª Edição, Braga, 1993). A Descendência Portuguesa de El-Rei D. João II. [S.l.]: Fernando Santos e Rodrigo Faria de Castro. pp. Volume I. 548  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  2. Monika Schlicher: Portugal in Osttimor. Eine kritische Untersuchung zur portugiesischen Kolonialgeschichte in Osttimor 1850 bis 1912. Aberag, Hamburg 1996. ISBN 3-934376-08-8
  3. A. H. de Oliveira Marques: Geschichte Portugals und des portugiesischen Weltreichs. Kröner August 2001, ISBN 978-3520385017.
  4. History of Timor – Technische Universität Lissabon Arquivado em 24 de março de 2009, no Wayback Machine. (PDF-Datei; 805 kB)
  5. worldstatesmen.org - East Timor
  6. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Álvaro Eugénio Neves da Fontoura". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 23 de outubro de 2015 
  7. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Estrangeiras». Resultado da busca de "Álvaro Eugénio Neves da Fontoura". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 23 de outubro de 2015 
  8. Presidência da República, Chancelaria das Ordens, Anuário das Ordens Honoríficas Portuguesas, Lisboa, Execução Gráfica da SPEME, 1969, pp. 47, 172 e 229.
Precedido por
Capitão de artilharia Eduardo Berardo Lapido Loureiro, Encarregado do Governo e Comandante Militar
Lesser coat of arms of Portuguese Timor.svg
Governador do Timor português

1937 - 1940
Sucedido por
Capitão de engenharia António Jacinto Magro, Encarregado do Governo e Comandante Militar
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.