Çorum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Turquia Çorum 
  Distrito (ilçe)  
Museu Arqueológico de Çorum
Museu Arqueológico de Çorum
Localização
Mapa dos distritos da província de Çorum
Mapa dos distritos da província de Çorum
Çorum está localizado em: Turquia
Çorum
Localização de Çorum na Turquia
Coordenadas 40° 33' N 34° 57' E
Região Anatólia Central
Província Çorum
Administração
Governador (kaymakam) Sabrı Başköy [1]
Prefeito (belediye başkanı) Muzaffer Külcü (2009, AKP)[2]
Características geográficas
Área total [3] 2 276,8 km²
População total (2012) [4] 265 242 hab.
 • População urbana 231 146
Densidade 116,5 hab./km²
Altitude 780-940 m
Código postal 19000
Prefixo telefónico 364
Governo distrital: www.corum.gov.tr
Prefeitura: www.corum.bel.tr

Çorum é uma cidade e distrito (em turco: ilçe) do centro-norte da Turquia. É capital da província homónima e parte da região da Anatólia Central. O distrito tem 2 276,8 km² de área e em 2012 a sua população era de 265 242 habitantes (densidade: 116,5 hab./km²), dos quais 231 146 moravam na cidade.[4]

Descrição[editar | editar código-fonte]

A região de Çorum, no interior norte da Anatólia, é conhecida pelos seus sítios arqueológicos frígios e hititas, pelas fontes termais e pelos aperitivos locais de grão-de-bico tostado chamados leblebi, muito populares em toda a Turquia.

Çorum situa-se no bordo setentrional do planalto da Anatólia. Os arredores são montanhosos, e a Falha Setentronal da Anatólia passa 20 km a sul da cidade. As montanhas próximas são populares para passeios e piqueniques, nomeadamente a área da barragem de Çomar. Outros atrativos de Çorum são os sítios arqueológicos, o museu arqueológico local, onde estão expostos muitos dos importantes achados recolhidos em escavações levadas a cabo na região, as casas antigas de estilo otomano e a torre do relógio do século XIX. Na gastronomia local destacam-se vários tipos de pratos de massas, nomeadamente o famoso Çorum mantısı, uma espécie de ravioli cozinhado lentamente num forno de tijolo ou cozido num molho de carne de vaca.

Clima[editar | editar código-fonte]

O clima é do tipo continental, com verões quentes e secos e invernos frios e com neve. Entre dezembro e março, as médias das temperaturas mínimas é negativa (-4,3 °C em janeiro) e mesmo em abril, outubro e novembro é inferior a 5 °C. As médias das temperaturas máximas entre dezembro e fevereiro pouco passa dos 5 °C. No verão a média das temperaturas máximas é próxima dos 26 °C em junho e setembro e superior a 29 °C em jullho e agosto. No entanto, até no verão as noites são frias (entre 9 e 12 °C entre junho e setembro). A precipitação anual é 441,6 mm.[5]

História[editar | editar código-fonte]

Na região onde se encontra a cidade há vestígios de ocupação humana que remontam ao Paleolítico, sendo conhecidos diversos pequenos assentamentos e ferramentas dessa época, alguns dos quais foram escavados nos últimos cem anos. A cidade parece ter sido um entreposto comercial assírio, que fazia a ligação entre a Anatólia e a Mesopotâmia entre 1 950 e 1 850 a.C.

A cidade ganhou importância com a emergência o império hitita, entre 1 650 e 1 200 a.C., quando as artes e economia local se desenvolveram significativamente. Hattusa, a capital imperial hitita, situava-se relativamente perto, a cerca de 80 km a sudoeste. Alaca Höyük, o local de outra cidade hitita importante cujo nome se desconhece, situa-se sensivelmente a meio caminho entre Çorum e Hattusa. Desfrutando de uma posição geográfica privilegiada e naturalmente protegida, a região teve uma economia bem estabelecida e suportada no chamado sistema regional de Karum.[necessário esclarecer] Após o colapso do império hitita, o império frígio continuou a assegurar a estabilidade da região.

Depois da queda dos Frígios, a cidade conheceu vários governantes, entre os quais se destacaram os Medos, Persas, Macedónios, Gálatas, Romanos, Bizantinos, Seljúcidas e por fim os Otomanos, que tomaram a região no século XIV.

No início do século XX, durante a Guerra da Independência Turca, Çorum foi uma das cidades com mais baixas entre os Turcos; os militares da cidade e das aldeias em volta receberam 1 510 Medalhas da Independência. A cidade juntou-se oficialmente à República da Turquia logo após a proclamação da república em 1923.

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Çorum», especificamente desta versão.
  1. «Çorum İlı». yerelnet.org.tr (em turco). YerelNET. Consultado em 7 de maio de 2013 
  2. «Çorum Beledıyesı». www.yerelnet.org.tr (em turco). YerelNET. Consultado em 7 de maio de 2013 
  3. «Districts of Turkey». www.statoids.com (em inglês). Administrative Divisions of Countries ("Statoids"). 2 de fevereiro de 2008. Consultado em 26 de maio de 2010. Cópia arquivada em 26 de maio de 2010 
  4. a b «Base de dados do sistema de registo de população baseada em moradas (ABPRS)». www.tuik.gov.tr (em turco). Instituto de Estatística da Turquia (TURKSTAT). Consultado em 7 de maio de 2013 
  5. «Resmi İstatistikler (İl ve İlçelerimize Ait İstatistiki Veriler)». www.dmi.gov.tr (em turco). Meteoroloji Genel Müdürlüğü (Direção Geral de Meteorologia). Consultado em 7 de maio de 2013. Arquivado do original em 30 de abril de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Çorum
  • «Çorum». kurumsal.kulturturizm.gov.tr (em turco). Portal institucional do Ministério da Cultura e Turismo. Consultado em 7 de maio de 2013