Úlpia (gens)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A gens Ulpia (pl. Ulpii) foi uma antiga família romana que ganhou proeminência no século I d.C. Esta gens é mais conhecida por causa do imperador romano Trajano (r. 98-117), que se chamava Marco Úlpio Trajano. A Legio XXX Ulpia Victrix emprestou seu nome, Ulpia, desta gens[1] .

Origem da gens[editar | editar código-fonte]

Os ancestrais dos Ulpii eram colonos romanos na Hispânia. Pouco se sabe sobre eles, exceto que eram ligados com a família dos Aelii, que também se assentaram na região. A tia de Trajano era avó de Adriano[2] [3] [4] . De acordo com um relato, os Ulpii eram originários de Tuder, na Úmbria setentrional, onde de fato há evidências de uma família com este nome[5] . O nome da própria família pode ter derivado de um cognato umbriano para a palavra latina lupus, que significa "lobo"[5] .

Membro da gens[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Dictionary of Greek and Roman Biography and Mythology, William Smith, Editor.
  2. Dião Cássio, História Romana, lxviii. 4, lxix. 1, 3.
  3. Historia Augusta, Adriano, 1.
  4. a b c d Ronald Syme, Tácito (1958), p. 792 ff.
  5. a b Julian Bennett, Trajan: Optimus Princeps (Routledge, 1997), p. 1.
  6. Dião Cássio, Roman History, lxxviii. 4, 15.
  7. Herodiano, History of the Roman Empire, v. 4. § 5.
  8. Historia Augusta, Macrino, 10.
  9. Historia Augusta, Aureliano, 10-15.
  10. Historia Augusta, Triginta Tyranni, 5.
  11. Aurelius Victor, De Caesaribus, 33.
  12. Sexto Aurélio Vítor, Epitome de Caesaribus (atr.), 32.
  13. Eutrópio, Breviarium historiae Romanae, ix. 7.
  14. Joseph Hilarius Eckhel, Doctrina Numorum Veterum, vol. vii. pp. 448-450.