1.ª Região Militar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
1.ª Região Militar
1rm.png
Brasão
País  Brasil
Corporação Exército Brasileiro
Subordinação Comando Militar do Leste
Sigla 1.ª RM
Criação 1891
Comando
Comandante Gen Div Laerte de Souza Santos
Comandantes
notáveis
Sede
Sede Rio de Janeiro -  Rio de Janeiro
Endereço Praça Duque de Caxias, 25
Internet Página oficial

A 1.ª Região Militar (1.ª RM), também conhecida como Região Marechal Hermes da Fonseca, é uma das doze regiões militares do Exército Brasileiro. Seu nome histórico é uma homenagem ao Presidente Marechal Hermes Rodrigues da Fonseca, que foi comandante dessa Região entre 1904 e 1906.[1]

Sede e abrangência[editar | editar código-fonte]

Está sediada no município do Rio de Janeiro e possui jurisdição sobre os estados de Rio de Janeiro e Espírito Santo.[2]


História[editar | editar código-fonte]

A origem histórica da 1.ª RM remonta à criação do 4.º Distrito Militar, pelo Decreto Nr 431, de 2 de julho de 1891, do então Presidente da República, o Marechal Deodoro da Fonseca, dividindo o território brasileiro em sete Distritos Militares, ficando as Forças Terrestres existentes na Capital Federal e nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo diretamente subordinadas ao Ajudante-Geral do Exército.

Nas primeiras décadas do século XX, o Marechal Hermes da Fonseca, na função de Ministro da Guerra, fez uma grande reorganização da Força Terrestre, dando ênfase para a parte logística que, até então, era bastante negligenciada. Em 1919, logo após a 1.ª Guerra Mundial, o 4.º Distrito Militar passou a ser denominado por 1.ª Região Militar.[3]

Organizações Militares Subordinadas[editar | editar código-fonte]

1ª Região Militar

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Histórico da 1ª Região Militar». Consultado em 9 de abril de 2017 
  2. «Área geográfica da 1ª Região Militar». Consultado em 9 de abril de 2017 
  3. «Histórico da 1ª Região Militar». Consultado em 9 de abril de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]