2.ª Cúpula do Prosul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
2.ª Cúpula do Prosul
Iván Duque, assumiu a presidência pro-tempore do bloco.
Anfitrião  Chile
Sede Santiago
Data 12 de dezembro de 2020
Participantes Estados-membros
Cronologia
Chile Santiago (2019)
Colômbia Colômbia (2021)

A 2.ª Cúpula do Prosul havia sido programada para julho de 2020 na cidade de Encarnación, no Paraguai, juntamente com a cúpula do Mercosul. Mas, devido à pandemia de COVID-19, o evento teve de ser adiado.[1]

A cúpula marcaria a transferência da presidência do bloco do Chile ao Paraguai, mas a Colômbia solicitou a possibilidade de suceder o Chile na presidência, o que foi aceito tanto pelo Governo chileno quanto pelo Paraguai.[2][3]

No dia 12 de dezembro de 2020 os presidentes da Colômbia e do Chile se reuniram presencialmente na cidade de Santiago, capital chilena, e reuniram-se através de forma virtual com os demais chefes de Estado e representantes dos países que formam o bloco para a realização do evento.[4]

Presidentes participantes[editar | editar código-fonte]

Ausências[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências