21.ª Divisão de Montanha Waffen SS Skanderbeg (1.ª Albanesa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
21.ª Divisão de Montanha Waffen SS Skanderbeg (1.ª Albanesa)
21st SS Division Logo.svg
País Alemanha Nazista Alemanha Nazi
Corporação Waffen-SS
Missão Infantaria de montanha
Criação 1 de Maio de 1944
Extinção 20 de Janeiro de 1945
História
Guerras/batalhas Frente Jugoslava:
Operação Endlich
Operação Falkenauge
Operação Draufgänger
Comando
Comandante August Schmidhuber

A 21.ª Divisão de Montanha Waffen SS Skanderbeg (1.ª Albanesa) foi uma divisão de infantaria de montanha das Waffen-SS durante a Segunda Guerra Mundial. O seu quartel-general ficava na Albânia, e era composta por voluntários albaneses muçulmanos liderados por alemães étnicos da Jugoslávia. Foi criada em 1 de Maio de 1944, mas nunca chegou a actuar fora da sua área de intervenção, mas sim contra os sérvios do Kosovo. Terminou em Janeiro de 1945 por ordem de Heinrich Himmler.[1]

Composição[editar | editar código-fonte]

  • 50.º Regimento de Voluntários de Infantaria de Montanha SS
  • 51.º Regimento de Voluntários de Infantaria de Montanha SS
  • 21.º Regimento de Voluntários de Artilharia de Montanha SS
  • 21.º Batalhão de Reconhecimento de Montanha SS
  • 21.º Batalhão Anti-tanque de Montanha SS
  • 21.º Batalhão de Assalto Skanderbeg SS
  • 21.º Batalhão de Engenharia de Montanha SS
  • 21.º Batalhão de Comunicações de Montanha SS
  • 21.º Batalhão de Defesa Anti-aérea SS
  • 21.º Batalhão de Logística Terrestre SS
  • 21.º Tropas de Abastecimentos SS

Referências