43 Things

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jeff Bezos em visita a Robot Co-op em 2005.

43 Things foi uma rede social criada como uma comunidade de metas online.[1] Em vez de criar ligações interpessoais explícitas (como visto no Orkut), foi construído nos princípios de etiquetas virtuais. Lançado em 1 de janeiro de 2005, pela Robot Co-op, uma pequena empresa sediada em Seattle fundada por Erik Benson, Daniel Spils, e Josh Petersen ex-funcionário Amazon.com e Microsoft.

Os usuários podiam criar contas para listar uma série de metas ou esperanças; estes objetivos passavam por análise léxica e eram ligados a outros objetivos, da comunidade, com palavras ou ideias semelhantes. Este conceito é também conhecido como folksonomia. Os usuários poderiam definir até 43 metas, e foram encorajados a explorar as listas de outros usuários e "estimulá-los" para alcançar seus objetivos.[2] O site recebeu algumas críticas, como as deficiências a seguir: não ter uma área central que contenha a documentação sobre o site, baseou fortemente em RSS, que é desconhecido por grande parte dos usuários;[3] além de críticas sólidas em relação à capacidade de resposta e, sobre a integração por sugestão ao usuário. Em 15 de agosto de 2014, 43things tornou-se disponível somente para leitura, e encerrou permanentemente em 1º de janeiro de 2015.

Referências

  1. (em inglês) «43Things API Profile». programmableweb.com. 2012 
  2. (em inglês) «43things.com Site Info». Alexa Internet. 2014 
  3. (em inglês) «43 Things: A Community Study». mchabib.com. 2014 
Ícone de esboço Este artigo sobre Internet é um esboço relacionado ao Projeto Internet. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.