6.º Distrito Naval da Marinha do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O 6.° Distrito Naval, da Marinha do Brasil, localiza-se em Ladário, Mato Grosso do Sul, no Brasil.

Após a guerra, em 1870, Corumbá estava destruída e reduzida a ruínas, sendo abandonada a miséria. A partir daí houve a reorganização do que foi devastado e a cidade voltou a normalidade que tinha em outrora. Com isso, tem origem em 1872 a construção do Arsenal de Marinha do Ladário, onde é inaugurado em 14 de março de 1873, originando o 6.º Distrito Naval da Marinha do Brasil,. Já no fim do século XIX, o porto fluvial de Corumbá era o terceiro maior da América Latina e movimentava pelos vapores da rota (entre Europa e Brasil) o comércio de peles, charques e outras riquezas da região.

Com a emancipação de Ladário, em 1954, o 6.º DN da Marinha passa a ser sediado ali em definitivo. Ladário é uma cidade circundada totalmente pelo município de Corumbá, situação conhecida como enclave territorial.

Em 2011 tem início as transmissões na região da Rádio Marinha FM, transmitida pela frequência 105,9 FM

Missão[editar | editar código-fonte]

Os Distritos Navais têm como propósito contribuir para o cumprimento das tarefas de responsabilidade da Marinha do Brasil nas suas respectivas áreas de jurisdição. É de responsabilidade dos Distritos Navais:

  • executar operações navais, aeronavais, de fuzileiros navais e terrestres de caráter naval;
  • apoiar as Unidades e Forças Navais, Aeronavais e de Fuzileiros Navais, subordinadas ou não, em operação em sua área de jurisdição;
  • acompanhar o tráfego marítimo e fluvial;
  • controlar as atividades relacionadas com a segurança da navegação marítima, fluvial e lacustre;
  • coordenar e controlar as atividades de Patrulha Costeira, Inspeção Naval e Socorro e Salvamento Marítimo;
  • cooperar para a preservação e utilização racional dos recursos do mar, da plataforma continental e das águas interiores;
  • apoiar o pessoal militar e civil da Marinha e seus dependentes;
  • orientar, coordenar e controlar as atividades de Assistência Cívico-Social às populações ribeirinhas.

Organizações[editar | editar código-fonte]

Atualmente nesta Organização Militar está subordinada a Flotilha do Mato Grosso, sendo o apoio aéreo fornecido pelo 4.º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]