Érope

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Aérope)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Érope
Cônjuge(s) Atreu
Filho(s) Agamenão, Menelau e Anaxíbia

Érope, na mitologia grega foi a segunda esposa de Atreu, e mãe de Agamemnon, Menelau e Anaxíbia.[1]

Era filha de Catreu, rei de Creta e neta de Minos. Se casou primeiro com Plístene, e após a sua morte casou com Atreu, pai de Plístine. Em Micenas, Atreu tinha prometido a Ártemis que iria sacrificar o seu melhor cordeiro a ela.[2][3][4]

Contudo, ao procurar no seu rebanho, encontrou um cordeiro dourado, que deu a Érope para o esconder. Érope tinha então um caso com Tiestes, irmão de Atreu, e lhe deu o cordeiro. Tiestes afirmou que quem tivesse o cordeiro dourado deverá ser rei de Micenas, e Atreu concordou. Tiestes apareceu com o cordeiro e reclamou o trono para si. Érope foi assassinada mais tarde, supostamente pelo seu marido Atreu, que mais tarde viria a se casar com Pelópia.[5][6]

Referências

  1. Schmitz, Leonhard (1867), «Aerope», in: Smith, William, Dictionary of Greek and Roman Biography and Mythology, 1 
  2. Biblioteca 3. 2. § 1, &c.
  3. Sérvio sobre a Eneida, 1. 458.
  4. Dictys Cretensis 1. 1.
  5. Escólios sobre Homero. Iliad. 2. 249.
  6. Sérvio sobre a Eneida 9. 262.
Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia grega é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.