AE Aurigae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde agosto de 2013)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
AE Aurigae
Dados observacionais (J2000)
Constelação Auriga
Asc. reta 05h 16m 18s
Declinação +34° 18′ 44.341″
Magnitude aparente 5,998
Características
Tipo espectral O9.5V
Variabilidade Variável Orion
Astrometria
Velocidade radial 59,1 km/s
Mov. próprio (AR) -4,05
Mov. próprio (DEC) 43,22
Paralaxe 2,24 ± 0,74
Distância 1500 anos-luz
400 pc
Magnitude absoluta -2,3
Detalhes
Massa 17 M
Raio 5 R
Luminosidade 30.000 L
Temperatura 30.000 K
Rotação 5 km/s
Outras denominações
HR 1712, HD 34078, BD+34°980, HIP 24575, SAO 57816, GC 6429, ADS 3843, CCDM 05163+3419.

AE Aurigae (HD 34078 / HR 1712 / HIP 24575) é uma estrela variável da constelação de Auriga. Encontra-se a 1450 anos-luz de distância.

AE Aurigae é uma estrela azul de tipo espectral 09.5Ve muito quente, com uma temperatura em torno de 33.000 K e una luminosidade entre 26.000 e 33.000 vezes da do Sol. A sua idade é estimada em 2,7 milhões de anos, pelo que é muito mais jovem que o Sol, cuja idade é de 4600 milhões de anos. A velocidade de rotação medida, inferior a 40 km/s, sugere que o seu eixo deve estar aproximadamente orientado em direcção à Terra.

A magnitude aparente de AE Aurigae oscila de forma irregular entre +5,4 y +6,1, estando catalogada como uma variável Órion.Estas são estrelas muito jovens e quentes que estão a entrar na sequência principal e estão envoltas em nebulosidade. Actualmente AE Aurigae ilumina una nuvem de poeira e gás que está atravessando a grande velocidade e lhe confere o curioso aspecto de estar ardendo.

AE Aurigae é uma das estrelas conhecidas como estrela fugitiva, que percorrem a grande velocidade o espaço devido a colisão entre dois sistemas binários ou devido a explosão de um sistema estelar. No caso de AE Aurigae, observa-se que se afasta a grande velocidade de Mu Columbae, e pensa-se que ambas as estrelas nasceram na Nebulosa de Órion e que estão a separar-se desde então.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]