AGATA (organização)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

AGATA é uma organização sem fins lucrativos de direitos de performance criada em 1999 que lida com o licenciamento e direitos de editores e intérpretes de música na Lituânia. Em 2011, tornou-se o órgão designado pelo país para a cobrança de compensações a escritores, intérpretes, atores e produtores.[1] A AGATA é um membro associado da International Federation of the Phonographic Industry (IFPI). Desde setembro de 2018, a AGATA publica semanalmente as 100 melhores paradas dos álbuns e singles mais populares na Lituânia. Os gráficos são baseados nas vendas e transmissões do Spotify, Deezer, Apple Music, iTunes, Google Play e Shazam.[2][3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Agata». AGATA (em lituano). Consultado em 24 de fevereiro de 2018 
  2. «Tarptautinės platformos». AGATA (em lituano). Consultado em 24 de fevereiro de 2018 
  3. «2019 47-os savaitės klausomiausi (TOP 100)». AGATA (em lituano). Consultado em 24 de fevereiro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.