A Coleção Invisível

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2013). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
A Coleção Invisível
 Brasil
2012 •  cor •  
Direção Bernard Atal
Roteiro Stefan Zweig
Elenco Vladimir Brichta
Walmor Chagas
Clarisse Abujamra
Ludmila Rosa
Gênero drama
Idioma português

A Coleção Invisível é um filme brasileiro, do gênero drama, dirigido por Bernard Atal. É o último filme de Walmor Chagas. Alguns moradores da cidade de Itajuípe participaram no elenco.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Um acontecimento inesperado deprime Beto, que abandona o seu trabalho e viaja para Itajuípe, na Bahia, em busca de valiosas obras de arte, que estão com um colecionador, Samir. Descobre que ele foi uma grande produtor de cacau, que vive com a mulher Clara e a filha Saada em sua fazenda, cego e praticamente falido, depois do ataque da praga vassoura-de-bruxa, que destruiu sua plantação.[1]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Premiações[editar | editar código-fonte]

  • Festival de Gramado - 3 prêmios - Melhor Filme pelo júri popular, Melhor Atriz Coadjuvante para Clarisse Abujamra, e Melhor Ator Coadjuvante, para Walmor Chagas.

Referências

  1. «A Coleção Invisível». Consultado em 20 de dezembro de 2013. Arquivado do original em 20 de dezembro de 2013 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]