A Comédia Humana (1943)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A Comédia Humana
The Human Comedy
Mickey Rooney no trailer do filme
 Estados Unidos
1943 •  p&b •  117 min 
Direção Clarence Brown
Produção Clarence Brown
Roteiro Howard Estabrook
William Saroyan (história)
Elenco Mickey Rooney
Frank Morgan
James Craig
Marsha Hunt
Gênero Comédia
Música Herbert Stothart
Direção de arte Cedric Gibbons
Direção de fotografia Harry Stradling
Figurino Irene
Edição Conrad A. Nervig
Companhia(s) produtora(s) MGM
Distribuição MGM
Lançamento Estados Unidos 2 de março de 1943
Portugal 19 de julho de 1945
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

A Comédia Humana[1][2] (The Human Comedy, no original em inglês) é um filme estadunidense de 1943, do gênero comédia, dirigido por Clarence Brown e estrelado por Mickey Rooney e Frank Morgan.

Produção[editar | editar código-fonte]

Jack Jenkins no trailer do filme. The Human Comedy foi sua estreia nas telas. Sua carreira durou apenas seis anos -- ele abandonou o cinema em 1948 ao adquirir uma gagueira crônica, que o acompanhou por toda a vida.[3]

Supostamente o filme preferido do chefe de produção da MGM, Louis B. Mayer,[4][5] The Human Comedy é visto pela crítica como um dos melhores, se não o melhor, desempenho de Mickey Rooney no cinema.[4][6][7]. Sua atuação somente é ameaçada por Jack Jenkins, um ator de cinco anos de idade, que quase rouba o filme.[4]

Ao contrário do que se pensa, o roteiro não vem do romance best-seller de William Saroyan, mas, sim, de uma ideia original que ele desenvolveu para a MGM. Somente após ser despedido é que Saroyan escreveu o livro, com base no argumento que ele deixara no estúdio e que foi roteirizado por Howard Estabrook.[8] O trabalho do escritor foi premiado pela Academia com o Oscar de Melhor História Original.

Além do Oscar para Saroyan, o filme concorreu em outras quatro importantes categorias, entre elas, Melhor Filme e Melhor Diretor.

Apesar de um enredo açucarado e excessivamente sentimental,[4] ou exatamente por conta disso, esta "apoteose da devoção de Louis B. Mayer aos valores da família"[5] conquistou as plateias e continua muito bem visto pela crítica.[4][6][7]

Ken Wlaschin considera o filme um dos onze melhores da carreira de Mickey Rooney.[9]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Outra imagem do trailer do filme, agora com Marsha Hunt.

O jovem Homer Macauley trabalha no serviço de telégrafos e leva as boas e más notícias aos habitantes da pequena cidade de Ithaca, na Califórnia. Homer cuida da mãe viúva e de Ulysses, seu irmão mais novo. Marcus, o mais velho, está na Europa lutando na Segunda Guerra Mundial. Já a irmã Bess procura um namorado.

Premiações[editar | editar código-fonte]

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Filme
Melhor Diretor
Melhor Ator (Mickey Rooney)
Melhor História Original
Melhor Fotografia (preto e branco)
Indicado
Indicado
Indicado
Vencedor
Indicado
New York Film Critics Circle NYFCC Award Melhor Filme Segundo lugar

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem
Mickey Rooney Homer Macauley
Frank Morgan Willie Grogran
James Craig Tom Spangle
Marsha Hunt Diana Steed
Fay Bainter Senhora Macauley
Ray Collins Senhor Macauley
Van Johnson Marcus Macauley
Donna Reed Bess Macauley
Jack Jenkins Ulysses Macauley
Dorothy Morris Mary Arena
John Craven Tobey George
Ann Ayars Senhora Sandoval
Mary Nash Senhorita Hicks
Henry O'Neill Charles Steed
Katharine Alexander Senhora Steed
Barry Nelson Fat

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. CinePlayers (Brasil)
  2. SapoMag (Portugal)
  3. «Jack Jenkins». IMDB. Consultado em 27 de janeiro de 2014. 
  4. a b c d e EAMES, John Douglas, The MGM Story, Londres: Octopus Books, 1982 (em inglês)
  5. a b ERICKSON, Hal. «The Human Comedy». AllMovie. Consultado em 27 de janeiro de 2014. 
  6. a b BUTLER, Craig. «The Human Comedy». AllMovie. Consultado em 27 de janeiro de 2014. 
  7. a b MALTIN, Leonard, Classic Movie Guide, segunda edição, Nova Iorque: Plume, 2010 (em inglês)
  8. CROWTHER, Bosley. «The Human Comedy (1943)». The New York Times. Consultado em 27 de janeiro de 2014. 
  9. WLASCHIN, Ken, The World's Great Movie Stars and Their Films, Londres: Peerage Books, 1985 (em inglês)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]