A Criação (série de televisão)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de A Criação (série))
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A Criação
Informação geral
Formato Série
Género Comédia
Duração 25 minutos
Criador(es) Pedro Bidarra
País de origem Portugal Portugal
Idioma original português
Produção
Diretor(es) André Banza
Sérgio Graciano
Produtor(es) Inês Tavares
Produtor(es) executivo(s) Ricardo Freitas
Pedro Sousa
Editor(es) André Banza
Tiago Maduro
Cinematografia William Sossay
Guionista(s) Pedro Bidarra
Elenco Alba Baptista
Bárbara Lourenço
Bruna Quintas
Diogo Mesquita
Gonçalo Carvalho
Mafalda Jara
Rita Tristão da Silva
Romeu Vala
Tomás Alves
Angel Tovar
Luís Lobão
(ver mais)
Compositor da música-tema José M. Afonso
Empresa(s) de produção Até ao Fim do Mundo
Exibição
Emissora de televisão original RTP Play
RTP1
Formato de exibição 16:9 1080i (HDTV)
Transmissão original 19 de setembro de 201728 de novembro de 2017
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 10 (lista de episódios)
Cronologia
País Irmão
A Família Ventura

A Criação é uma série de televisão portuguesa exibida em 2017 pela RTP Play e pela RTP1 e produzida pela Até ao Fim do Mundo.[1][2]

Esta série, também no dia 19 de setembro de 2017, foi o primeiro programa em Portugal e feito por uma televisão portuguesa que teve todos os seus episódios estreados ao mesmo tempo, neste caso, na RTP Play, tal como já acontece com outras plataformas, como é o caso da Netflix, que também costuma estrear todos os episódios de cada temporada das suas produções originais ao mesmo tempo.[3]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Cada episódio desenrola-se à volta de uma encomenda que o cliente faz à agência: quer seja um filme, um evento, um jingle, uma ação de relações públicas, etc. Cada episódio é uma paródia à produção da ideia e a todas as opções e decisões pseudo-racionais que reduzem a ideia inicial, inevitavelmente, ao absurdo.

Paralelamente, e no decorrer dos vários episódios, há histórias sobre as relações entre os vários peluches. Uma relação amorosa entre o Urso e a Galinha, a ambição do Leãozinho em subir na hierarquia, o secreto romance entre a Girafa e a Rata, a relação clássica entre a Ovelhinha e um Pastor e a fixação do Cão em guardar a Ovelha. Além disso, a série mostrará as invejas entre criativos. Nada mais do que «o típico de um escritório cheio de animais de peluche».[4]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem
Alba Baptista Ratinha
Bárbara Lourenço Galinhola
Bruna Quintas Pequeno Robot
Diogo Mesquita Urso
Gonçalo Carvalho Leãozinho
Mafalda Jara Girafa
Rita Tristão da Silva Ovelhinha
Romeu Vala Corvo
Tomás Alves Cão
Angel Tovar Raposa
Luís Lobão Pastor

Elenco adicional[editar | editar código-fonte]

  • Afonso Lagarto - João Varela
  • Joaquim Horta - César
  • Philippe Leroux - Ricardo
  • Cláudia Semedo - Jornalista
  • Guilherme Filipe - Actor Doente
  • Eduardo Frazão - Manuel
  • David Pereira Bastos - Martim
  • Hugo Franco - João Pinheiro
  • Rui Melo - Félix
  • Viriato Quintela - André
  • Ana Burea - Modelo Estúdio
  • Ana Mendes - Mulher Loira
  • Alexandre Soares - ele próprio
  • Ana Araújo - Modelo
  • Alfredo Brito - Homem Velho
  • Carlos Saltão - Empregado Restaurante
  • Fernando Alvim - ele próprio
  • Carolina Brandão - Paula
  • Filipa Pinto Coelho - Maria
  • António Durães - Homem
  • Amélia Videira - Avó
  • Pompeu José - Juiz
  • Joana Marques - ela própria
  • André Patrício - Transexual
  • Joana Vasconcelos - ela própria
  • Luís Barros - Médico
  • Manuel Gomes da Silva - Bebé Campanha
  • Catarina Guerreiro - Mulher Gorda
  • Sergio Ribeiro - Técnico Pós
  • Sofia Ring - Modelo Estúdio
  • Maria Ana Filipe - Patrícia
  • Cátia Ribeiro - Mulher Nova
  • Taru - Modelo Estúdio
  • Francisco Beatriz - Contabilista
  • Samuel Alves - Polícia
  • Juana Pereira da Silva - Mulher Fininha
  • Miguel Costa - Porteiro
  • Pedro Marques - Hipster
  • Mariana Pereira - Hospedeira
  • Maria Frére - Hospedeira
  • Tiago Retré - Homem Gordo
  • Pedro Diogo - Barman
  • Rui Unas - ele próprio

Episódios[editar | editar código-fonte]

# Título Exibição em Portugal Audiência na RTP1
Na RTP Play Na RTP1 Espectadores Share Rating
1 Sexo e Pudim 19 de setembro de 2017 19 de setembro de 2017 169 000 4,7% 1,7%
2 Azul Áspero 19 de setembro de 2017 26 de setembro de 2017 123 500 3,8% 1,3%
3 A Montanha Pariu Ratos 19 de setembro de 2017 3 de outubro de 2017 123 500 3,3% 1,3%
4 A Modernização do Chouriço 19 de setembro de 2017 10 de outubro de 2017 237 500 7% 2,5%
5 Um Bordel de Espuma 19 de setembro de 2017 17 de outubro de 2017 152 000 4,6% 1,6%
6 O Menino XXI 19 de setembro de 2017 24 de outubro de 2017 171 000 4,3% 1,8%
7 Meia Dose 19 de setembro de 2017 7 de novembro de 2017 133 000 3,6% 1,4%
8 Viral Consensual 19 de setembro de 2017 14 de novembro de 2017 256 500 7,4% 2,7%
9 Um Episódio com a Gisele Bunchen 19 de setembro de 2017 21 de novembro de 2017 142 500 3,4% 1,5%
10 O Grande Báculo 19 de setembro de 2017 28 de novembro de 2017 190 000 5% 2,1%

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • A série teve uma audiência média de 1,8%/4,7% (rating/share).

Referências

  1. «A Criação». IMDb. Consultado em 19 de setembro de 2017 
  2. Diana Casanova (24 de agosto de 2017). «Saiba quando estreia «A Criação»». A Televisão. Consultado em 19 de setembro de 2017 
  3. Pedro Miguel Coelho (6 de setembro de 2017). «'A Criação' estreia todos os episódios ao mesmo tempo… no RTP Play». Espalha-Factos. Consultado em 19 de setembro de 2017 
  4. «A Criação». RTP. Consultado em 19 de setembro de 2017