A Igreja do Diabo (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A Igreja do Diabo
Portugal Portugal /  França /  Brasil
2014 •  cor •  107 min 
Realização Manoel de Oliveira
Produção Sandro Aguilar
Luís Urbano
Argumento Manoel de Oliveira
Baseado em — Ideias de Canário
A Igreja do Diabo
Missa do Galo, de Machado de Assis
Elenco Lima Duarte
Fernanda Montenegro
Ricardo Trêpa
Género comédia dramática
Cinematografia Sabine Lancelin
Edição Valérie Loiseleux
Idioma português

A Igreja do Diabo é um filme coproduzido entre França, Brasil e Portugal, que iria ser realizado por Manoel de Oliveira, no Rio de Janeiro.[1]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Um jovem português (Ricardo Trêpa), vai ao Brasil e hospeda-se em uma pensão de um homem infiel, que trai sua esposa com o consenso desta. A isso junta-se uma visita do diabo à Terra para fundar uma igreja, as ilusões de um ornitólogo e a história do jovem Maciel, que se encanta por dona Conceição enquanto seu marido vai à missa do galo. Baseado nos contos "Ideias do Canário", "A Igreja do Diabo" e "Missa do Galo", de Machado de Assis.

Produção[editar | editar código-fonte]

O filme seria realizado em 2011, porém Oliveira e a produção do filme optaram por realizar o filme "O Gebo e a Sombra", baseado no escritor português Raul Brandão, que foi lançado em 2012 e conta no elenco com Jeanne Moreau, Claudia Cardinale e Michael Lonsdale, que foi rodado em Paris. A opção do diretor valia que este filme era mais adequado ao mundo atual por tratar da questão do dinheiro na sociedade contemporânea[2].

Em novembro de 2013, Oliveira manifestou a vontade de filmar o projeto embora reconheça dificuldades quanto a idade, a saúde e a questão de financiamento, em entrevista publicada na revista francesa Cahiers du Cinéma. Com o seu falecimento, em 2 de Abril de 2015, o projecto do filme ficou suspenso, desconhecendo-se ainda se poderá vir a ser realizado por outro cineasta.

Em 2017 foi lançado o filme "A Comédia Divina", baseado no mesmo texto de Machado de Assis: http://www.olharimaginario.com.br/a-comedia-divina/

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme português é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.