A Mighty Heart

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o filme de mesmo nome, veja A Mighty Heart (filme).

A Mighty Heart: The Brave Life and Death of My Husband Daniel Pearl (em português: Um Coração Poderoso: A Valente Vida e Morte do Meu Marido Daniel Pearl) (2003) é um livro de memórias de Mariane Pearl, jornalista francesa freelance. Ela cobre o sequestro e assassinato de 2002 por terroristas no Paquistão de seu falecido marido Daniel Pearl, um jornalista americano do Wall Street Journal.[1]

Recepção[editar | editar código-fonte]

O livro foi revisto por, entre outros, The Christian Science Monitor, Chicago Sun-Times, The Spectator e The New York Review of Books.[2][3][4][5]

Adaptações[editar | editar código-fonte]

A Mighty Heart foi adaptado como um filme dramático de 2007 do mesmo nome, estrelado por Angelina Jolie como Mariane Pearl, Dan Futterman como Daniel Pearl e Archie Panjabi como sua amiga e colega Asra Nomani.[6] O filme também cobre os esforços do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, do Serviço de Segurança Diplomática (DSS) do Departamento de Estado dos EUA e da Central de Inteligência do Paquistão para rastrear os seqüestradores e levá-los à justiça.

Referências

  1. Pearl, Mariane (2003). A Mighty Heart. New York City: Charles Scribner's Sons. ISBN 978-0-7432-4442-8 
  2. McAlpin, Heller (2 de outubro de 2003). «Collateral damage». Christian Science Monitor. ISSN 0882-7729 
  3. «FindArticles.com | CBSi». findarticles.com. Consultado em 26 de dezembro de 2016 
  4. «FindArticles.com | CBSi». findarticles.com. Consultado em 26 de dezembro de 2016 
  5. «Home». The New York Review of Books. Consultado em 26 de dezembro de 2016 
  6. Nomani, Asra Q. (24 de junho de 2007). «A Mighty Shame». The Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286 
Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.