A Gata de Vison

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de A gata de vison)
Ir para: navegação, pesquisa
A Gata de Vison
Informação geral
Formato Telenovela
Criador(es) Glória Magadan
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Daniel Filho
Walter Campos
Fábio Sabag
Elenco Tarcísio Meira
Yoná Magalhães
Geraldo Del Rey
Jayme Barcellos
ver mais
Exibição
Emissora de televisão original Brasil Rede Globo
Transmissão original 26 de junho de 1968 - 6 de janeiro de 1969
N.º de episódios 169
Cronologia
O homem Proibido
A Última Valsa

A Gata de Vison é uma telenovela brasileira produzida pela Rede Globo e exibida de 26 de junho de 1968 a 6 de janeiro de 1969 às 21h30.[1] Foi a "novela das dez" exibida pela emissora.

Escrita por Glória Magadan e dirigida por Daniel Filho, Walter Campos e Fábio Sabag, contou com 169 capítulos.[2] Foi a "novela das dez" exibida pela emissora. Protagonizada por Tarcísio Meira, Yoná Magalhães, Geraldo Del Rey, Paulo Gracindo e Joana Fomm.

Produção[editar | editar código-fonte]

A Gata de Vison não fez grande sucesso, porque o público, acostumado a ver Tarcísio Meira com Glória Menezes e Yoná Magalhães com Carlos Alberto, não aprovou o casal principal - enquanto Tarcísio e Yoná estavam nessa telenovela, Glória e Carlos Alberto faziam a novela das nove, Passo dos Ventos.

Durante a novela, Glória Magadan se apaixonou por Geraldo Del Rey e teve um romance com ele durante a novela. Com isso, o personagem dele, antes vilão, começou a se tornar mocinho. As várias mudanças na personalidade do detetive Bob Ferguson fizeram com que Tarcísio Meira pedisse afastamento da novela. A autora decidiu, então, matar o personagem. Mas Tarcísio se negou a gravar a cena da morte do detetive. Isso resultou na saída de Tarcísio da trama e na aparição da gêmea de Yoná, fazendo o novo par romântico com Geraldo.

O ator Celso Marques, que vivia na história o vilão Comprido, morreu durante as gravações em um acidente de automóvel, ocorrido na avenida Rio Branco esquina com rua da Assembleia, no centro do Rio de Janeiro. O acidente ocorreu em 16 de setembro de 1968, dois dias antes de Celso completar 26 anos.

Trama[editar | editar código-fonte]

Dolly Parker (Yoná Magalhães), a Gata de Vison, comanda uma organização criminosa na violenta Chicago dos anos 1920. Logo no primeiro capítulo é morta pela Máfia durante uma festa em sua casa, e Maggie Parker (Yoná Magalhães) é obrigada a assumir a identidade da irmã para evitar que grupos rivais – como o comandado pelo gangster Dino Falconi (Geraldo Del Rey) – se aproveitassem da situação. A princípio, Maggie resiste, mas, temendo que algo aconteça com sua família, concorda em assumir definitivamente a identidade da Gata de Vison.

Enquanto isso, o agente federal Bob Ferguson (Tarcísio Meira) é escolhido pelo Capitão Pat O’Hara (Paulo Gracindo) para se infiltrar no bando comandado pela Gata de Vison a fim de conseguir provas contra a criminosa. Para o trabalho, ele assume a identidade de um rico fazendeiro e conta com a ajuda da instrutora Linda (Joana Fomm). Ao conhecer Maggie, no entanto, Bob se apaixona, colocando em risco sua missão.

Dino Falconi sai da prisão e vai atrás da Gata de Vison, com quem mantinha um caso antes de ser preso. Após passar uma noite com ela, descobre que Maggie assumira a identidade da irmã. Os dois se envolvem, e Maggie passa a viver dividida entre o amor do gângster e o de Bob Ferguson. Ao longo da trama, o personagem de Geraldo Del Rey, antes vilão, ganha contornos de mocinho.

No final, Dino Falconi se casa com Maggie e assina uma confissão onde se diz responsável por todos os crimes que cometeu, se entregando à polícia. A prisão do gangster ameaça a Máfia, que teme que seus segredos sejam revelados. Mas Dino se recusa a ser um delator. Condenado à morte, é inocentado a poucas horas de sua execução, graças às provas contra a organização criminosa que são encontradas.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «A Gata de Vison». Teledramaturgia. Consultado em 16 de dezembro de 2015 
  2. «A Gata de Vison». Memória Globo. Consultado em 17 de outubro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.