Abadia de Vreta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Abadia de Vreta
Vreta kloster
Paredes restaurada da Abadia de Vreta
Início da construção Ca. 1100
Religião Catolicismo
Diocese Ordem de São Bento
Ordem de Cister
Geografia
País  Suécia
Região Gotalândia Oriental

A Abadia de Vreta (em sueco), em atividade desde 1100 até 1582, foi o primeiro convento de freiras da Suécia e uma das mais antigas abadias da Escandinávia. Foi inicialmente Beneditino e mais tarde Cisterciense. Está localizada na comuna de Lincopinga, na Gotalândia Oriental. As ruínas do convento (parcialmente reconstruídas) e a igreja (bem conservada) estão abertas ao público.[1]

Referências

  1. Ottosson 2008, p. 508.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Ottosson, Mats; Ottosson, Åsa (2008). «Vreta kloster och kyrka». Upplev Sverige. En guide till upplevelser i hela landet (em sueco). Estocolmo: Wahlström Widstrand. 527 páginas. ISBN 9789146215998 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Abadia de Vreta
Wikisource
O Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Abadia de Vreta