Abel Fontoura da Costa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Abel Fontoura da Costa
Fontoura da Costa, c. 1923.
Nascimento 9 de dezembro de 1869
Alpiarça, Alpiarça, Portugal
Morte 7 de dezembro de 1940 (70 anos)
Lisboa, Portugal
Nacionalidade Portugal Português
Ocupação Militar e político

Abel Fontoura da Costa ComAGOA (Alpiarça, Alpiarça, 9 de Dezembro de 1869Lisboa, 7 de Dezembro de 1940) foi um militar e político português.

Frequentou o Real Colégio Militar. Alistou-se na Marinha em 1887 e atingiu o posto de capitão-de-mar-e-guerra. Em 1901 fez parte da missão de delimitação da fronteira entre Angola e o Congo.[1] Foi responsável pelo ministério da Agricultura de 9 de Janeiro a 18 de Agosto de 1923, e pelo da Marinha em 1923. Exerceu diversos cargos de direcção como o de Comandante Superior das Escolas de Marinha (1923), Director da Escola Naval e da Escola de Educação Física da Armada (1932) e Director da Escola Náutica de 1936 a 1939. Foi, também, Governador de Cabo Verde entre 1915 e 1918.[2]

No seu curriculum académico, leccionou por vários anos atingindo o nível de reitor do Liceu Central de Lisboa (1907-1910).

Foi membro da Academia Portuguesa de Ciências e História em 1935 e da Comissão organizadora do Museu Naval, em 1936; e presidiu à Associação de Futebol de Lisboa em 1910.

A 11 de Março de 1919 foi feito Comendador da Ordem Militar de Avis e a 19 de Outubro de 1920 foi elevado a Grande-Oficial da Ordem Militar de Avis.[3]

Trabalhos publicados[editar | editar código-fonte]

  • Aplicação das tábuas de estrada e logaritmos de subtracção do método de Ste Hilaire (1889)
  • Viagens nas regiões antárcticas
  • O encontro da expedição de Nordenskiold pelo navio argentino Uruguay (1903)
  • Tábuas Náuticas (1907)
  • Marinharia dos Descobrimentos (1933)
  • La Science Nautique des Portuguais à l’époque des Découvertes (1935)
  • Às portas da Índia em 1484 (1936)
  • Sobre uma nova versão do descobrimento da Ilha de Santiago de Cabo Verde (1938)
  • Cartas das ilhas de Cabo Verde de Valentim Fernandes: 1506-1508 (1939)
  • A Carta de Pêro Vaz de Caminha
  • Roteiros portugueses inéditos da carreira da Índia do século XVI (1940)

Publicação de textos náuticos inéditos[editar | editar código-fonte]

  • Livros de Marinharia do século XVI
  • Roteiro da primeira viagem de Vasco da Gama, de Álvaro Velho
  • Compilação das obras completas de Pedro Nunes.

Referências

  1. «Instituto Hidrográfico - Fontoura da Costa». Hidrografico.pt 
  2. «Centenário da República». Câmara Municipal de Lisboa 
  3. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Abel Fontoura da Costa". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 17 de março de 2016 
Precedido por
Joaquím Pedro Vieira Júdice Bicker
Governador de Cabo Verde
1915 — 1919
Sucedido por
Teófilo Duarte