Escola Superior de Belas-Artes do Porto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edifício da FBAUP

A história desta instituição remonta à Aula de Desenho e Debuxo, iniciada em 1780. Em 1802, o pintor Vieira Portuense, por ocasião da abertura das aulas, designa por "Academia" essa Aula de Desenho, tentando assim dignificar a instituição e apelando para uma formação mais completa; no entanto, a desejada reforma, acontecera apenas dia 22 de Novembro de 1836, através da criação da Academia Portuense de Belas Artes, com o objectivo de “promover o estudo das Bellas Artes, difundir, e aplicar a sua prática às Artes Fabris”.

A Academia oferecia aulas nas áreas da Pintura, Escultura e Arquitectura, e ainda um curso preparatório de Desenho. Ainda no século XIX, a Academia dá origem à Escola Portuense de Belas Artes e, a partir de 1950, ascende a Escola Superior de Belas Artes, conhecendo anos de grande prestígio pedagógico e artístico.

Na década de 1970 é iniciado o curso de Design de Comunicação. Em 1979, o curso de arquitectura ganha autonomia, integrando-se como Faculdade de Arquitectura na Universidade do Porto e, em 1994, também a Escola Superior de Belas Artes do Porto passa a fazer parte da Universidade do Porto e a designar-se por Faculdade de Belas Artes.

Actualmente, a Faculdade de Belas-Artes da Universidade do Porto, dispõe das licenciaturas de pintura, de escultura, de arte de multimédia e de design de comunicação. Igualmente importante, e de muita procura, os inúmeros mestrados, que podem diferir de dois em dois anos.

Ver também[editar | editar código-fonte]