Acetilespiramicina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Acetilespiramicina é um fármaco antibiótico oral pertencente ao grupo dos macrolídeos,[1] usado em infecções bacterianas em locais como tecidos moles, ouvido, laringe e aparelho respiratório.[2]

Interações[editar | editar código-fonte]

As principais interações deste medicamente são com outros do grupo dos antibióticos macrolídeos, penicilina, novobiocina, vancomicina e cefalosporinas.

Propriedades[editar | editar código-fonte]

A ação do medicamento atinge tanto bactérias Gram-positívas como Gram negativas.

Gram-positivas
  • Staphylococcus aureus
  • Staphylococcus epidermidis
  • Staphylococcus citreus
  • Streptococcus pyogenes
  • Streptococcus faecalis
  • Streptococcus viridans
  • Streptococcus pneumoniae
  • Clostridium tetanii
  • Corynebacterium diphtheriae
  • Bacillus anthracis
  • Bacillus subtilis
Gram-negativas
  • Bordetella pertussis
  • Haemophilus influenzae
  • Neisseria gonorrhoeae
  • Neisseria meningitidis
Outros
  • Clamidias (Chlamydia trachomatis)
  • Micoplasmas (Mycoplasma pneumoniae)
  • Espiroquetas (Treponema pallidum)
  • Rickettsias, Legionella pneumophila
  • Toxoplasma gondii

Referências

  1. HERRERA, Joaquin. Elsevier, ed. Manual de farmacia clinica y Atencion Farmaceutica. 2006. Madrid: [s.n.] 
  2. P.R.Vade-mécum ABIMIP 2006/2007

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre fármacos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.