Acidente do Beechcraft King Air prefixo PT-ONJ em 2021

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Acidente do Beechcraft King Air prefixo PT-ONJ em 2021
Acidente aéreo
Cena do acidente que causou a morte de cinco pessoas.
Sumário
Data 5 de novembro de 2021 (0 mês)
Causa sob investigação
Local Piedade de Caratinga, Minas Gerais, Brasil
Coordenadas -19.7683299, -42.1077327
Origem Aeroporto Internacional de Goiânia, Goiânia
Destino Aeroporto de Caratinga, Ubaporanga, Minas Gerais
Passageiros 3
Tripulantes 2
Mortos 5
Sobreviventes nenhum
Aeronave
Modelo Beechcraft King Air C-90B
Operador PEC Táxi Aéreo
Prefixo PT-ONJ
Primeiro voo 1984

O Acidente do Beechcraft King Air prefixo PT-ONJ em 2021 foi um acidente aéreo ocorrido no município brasileiro de Piedade de Caratinga, no estado de Minas Gerais, no dia 5 de novembro de 2021. Nessa data, a cantora Marília Mendonça embarcou em um táxi aéreo, que voou contendo três passageiros e dois tripulantes em sentido a Caratinga, onde faria uma apresentação. O avião caiu e houve a morte de todos os ocupantes do avião, sendo Marília Mendonça uma das vítimas fatais.[1][2][3]

Vítimas[editar | editar código-fonte]

A mesma aeronave envolvida no acidente em 2013
Acidente do Beechcraft King Air prefixo PT-ONJ em 2021 (Minas Gerais)
Disc Plain red (edge).svg
Local do acidente
A aeronave caiu a 4 quilômetros ao sul do aeroporto de Caratinga

Todos os cinco passageiros a bordo da aeronave faleceram como resultado do acidente. São eles:[2][4]

  • Marília Mendonça, cantora, de 26 anos;
  • Henrique Ribeiro, produtor de Marília, de 32 anos;[5]
  • Abicieli Silveira Dias Filho, tio e assessor da cantora, de 43 anos;
  • Geraldo Martins de Medeiros Júnior, piloto do avião, de 56 anos;
  • Tarciso Pessoa Viana, co-piloto do avião, de 37 anos.

Inicialmente, a assessoria da cantora anunciou que ela e os demais passageiros tinham sido todos resgatados vivos e em bom estado de saúde do local do acidente,[6] mas por volta das 17h foi confirmada, pelo corpo de bombeiros local, a sua morte.[7]

Investigações[editar | editar código-fonte]

Retirada dos corpos horas após a queda do avião.

As investigações deverão ser realizadas pela Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), e pelo CENIPA (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) vinculado ao Comando da Aeronáutica. Sobre dados preliminares: o avião com matrícula PT-ONJ estava em dia e com registro ativo.[2] O avião e o piloto estavam autorizados para realizar o serviço de táxi aéreo e ambos, piloto e copiloto, eram considerados experientes e as condições de voo na hora do acidente eram favoráveis, no local era possível sentir um forte odor de combustível,[8] revelando que provavelmente o avião estava abastecido na hora da queda.[9]

Em 5 de novembro, a Companhia Energética de Minas Gerais emitiu uma nota afirmando que a aeronave havia atingido um cabo de uma torre de distribuição, em Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce, antes de atingir o solo. Informações preliminares de pilotos que sobrevoavam a área no mesmo momento da queda corroboram o ocorrido, tendo testemunhado o momento em que o bimotor atingiu os fios de alta tensão.[10]

Até o momento, de acordo com a FAB, ainda não há informações sobre a dinâmica do acidente e suas causas.[11]

Repercussão[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Avião com Marília Mendonça cai em MG». G1. 5 de novembro de 2021. Consultado em 5 de novembro de 2021 
  2. a b c «Marília Mendonça morre em queda de avião em Minas Gerais». G1. Consultado em 5 de novembro de 2021 
  3. Gabriel Benevides (5 de novembro de 2021). «Avião com Marília Mendonça cai no interior de Minas Gerais». AEROFLAP 
  4. «Quem são as outras vítimas do acidente de avião com Marília Mendonça». G1. 5 de novembro de 2021 
  5. Malu Vieira e Eric Luis Carvalho (5 de novembro de 2021). «Produtor geral de Marília Mendonça, uma das vítimas do acidente com avião, era baiano; conheça Henrique Ribeiro». G1 
  6. «Marília Mendonça é resgatada após queda de avião no interior de MG». Istoé. 5 de novembro de 2021 
  7. «Marília Mendonça morre aos 26 anos em queda de avião em Minas Gerais». G1. 6 de novembro de 2021 
  8. «Cantora Marília Mendonça morre em acidente aéreo; o que se sabe até agora». BBC News Brasil. 5 de novembro de 2021 
  9. Isabela Bernardes (5 de novembro de 2021). «Bombeiros retiram todos os corpos do avião de Marília Mendonça». Estado de Minas 
  10. «Cemig confirma que avião com Marília Mendonça atingiu cabo de torre de alta tensão antes de cair em MG». G1. 5 de novembro de 2021 
  11. Lucas Negrisoli (5 de novembro de 2021). «Avião de Marília Mendonça atingiu cabo da Cemig e deixou 33 mil sem energia». Jornal O Tempo 
  12. Mauricio Stycer (5 de novembro de 2021). «Desinformação e exibição de corpos marcam cobertura da morte de Marília». UOL 
  13. Gabriel de Oliveira (5 de novembro de 2021). «Globo decide cancelar Zig Zag Arena para homenagear Marília Mendonça». TV Pop 
  14. REDAÇÃO (6 de novembro de 2021). «Por despedida de Marília Mendonça, Globo cancela Caldeirão e faz plantão do JN». Notícias da TV. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  15. REDAÇÃO (6 de novembro de 2021). «Marília Mendonça: Band e Record derrubam programas para mostrar velório ao vivo». Notícias da TV. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  16. «Marília Mendonça recebe homenagem em programação especial da Globo no fim de semana». G1. Consultado em 10 de novembro de 2021 
  17. «Morte de Marília Mendonça coloca "feminejo" no New York Times; veja a repercussão internacional». Band. 6 de novembro de 2021 
  18. «Morte de Marília Mendonça ganha repercussão internacional; veja». GQ. 5 de novembro de 2021 
  19. Ranyelle Andrade (5 de novembro de 2021). «Morte de Marilia Mendonça abala famosos; veja a repercussão». Metrópoles 
  20. «Clubes e jogadores se solidarizam com morte da cantora Marília Mendonça: "Me recuso acreditar", escreve Neymar». GloboEsporte.com. 6 de novembro de 2021 
  21. Larissa Reis (6 de novembro de 2021). «Chapecoense lamenta morte de Marília Mendonça e mostra que 'céu fechou' em estádio: 'Algumas coisas dispensam explicações'». BHAZ 
  22. «Marília Mendonça sonhou com cachoeira, rio e queda-d'água antes de morrer». Notícias da TV. 5 de novembro de 2021 
  23. «'Quanto mais vida melhor' tira cenas de queda de avião dos comerciais após morte de Marília Mendonça: 'Vida escreve roteiros ruins', lamenta autor». Extra Online. Consultado em 16 de novembro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikidata Base de dados no Wikidata