Adagio (hotel)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Adagio
Adagio Logo 2012.png
Razão social Adagio SAS
Tipo Subsidiária
Slogan “Adagio, the city at your own pace”[1]
(em Inglês)
Indústria Hotelaria, Turismo
Fundação 2007 (10 anos)
Sede Paris,  França
Área(s) servida(s) Europa, Brasil, Oriente médio
Locais 96
Proprietário(s) Accor
Produtos Apart-hotéis
Website oficial Adagio-city.com


Adagio City Aparthotel ou popularmente conhecida como Adagio é uma rede de Apart-hotéis criada a partir de uma joint venture entre a Accor e a Pierre Vacances. Criada como uma companhia de hotéis independentes, sua fórmula é baseada em apartamentos para aluguel em grandes cidades.

História[editar | editar código-fonte]

Adagio City Aparthotel é uma joint venture criada pela Accor Hotéis e a Pierre & Vacances em outubro de 2007.[2][3]  A empresa gerencia residências e apartamentos para alugar, em cidades turísticas. A residências das cidades são direcionadas aos viajantes de negócios, e as estadias de longo prazo, mas também estrangeiros, famílias em férias, que podem usar sua cozinha em estes apartamentos e evitar despesas em restaurantes. O turismo urbano tem uma taxa de crescimento mais elevada do que a média geral das taxas de crescimento do turismo na França, em termos de estadias, de acordo com especialistas.[4]

Em 2011, a Adagio complementou sua oferta de serviços com a aquisição da empresa Citéa, renomeando as propriedades da empresa em um novo conceito chamado Adagio Access. A rede Adagio é composta de empreendimentos chamados Adagio (classe padrão) e Adagio Access (classe econômica). Adagio tem empreendimentos em 90 locais, principalmente na Europa (França, Bélgica, Suíça e Alemanha). Mas o grupo já está estabelecida na Rússia, o Médio Oriente e o Brasil.

Em 2015, existiam 50 empreendimentos Adagio em 11 países (principalmente na Europa, bem como na Rússia, Emirados Árabes Unidos, Catar, e o Brasil).[5]  Existiam também 46 Adagio Access em 3 países (França, Bélgica e Alemanha).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «New European advertising campaign for Adagio» (PDF). Accor. 4 de junho de 2010. Consultado em 10 de fevereiro de 2017 
  2. Bn., F. (27 de janeiro de 2009). «Un secteur attractif pour les promoteurs» [An attractive area for developers]. Le Monde (em French) 
  3. Visseyrias, Mathilde (14 de outubro de 2008). «Les " appart'hôtels " font le plein» [The 'apartment hotels' fill up]. Le Figaro (em French) 
  4. «Boom des appart'hôtels urbains» [Urban Apartment Hotels Boom]. Le Figaro (em French). 25 de fevereiro de 2012 
  5. «AccorHotels worldwide» 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Adagio (hotel)