Aden Abdullah Osman Daar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Aden Abdullah Osman Daar

Aden Abdullah Osman Daar (Somali: Aaden Cabdulle Cusmaan Daar) (Beledweyne, 9 de dezembro de 1908Nairobi, 8 de junho de 2007) foi um político somaliano, foi o primeiro presidente da Somália logo após a sua independência em 1960 (governou no período de 1 de julho de 1960 a 10 de junho de 1967).

Inicio de vida[editar | editar código-fonte]

Daar nasceu em 9 de dezembro de 1908 na cidade de Beledweyne, situada na região sul-central de Hiraan, na Somália, sendo do clã Hawiye.[1]. Entrou para a política somente em 1944, filiando-se ao novo partido Somali Youth League, nacionalista que desejava a independência da Somália.

Governo[editar | editar código-fonte]

Quando a Somália conquistou sua independência em 1960, Daar alcançou grande destaque como uma figura nacionalista. Em pouco tempo, ele foi eleito o primeiro presidente do país, um cargo que ocupou de 1960 a 196.7[2].

Nas eleições presidenciais de 1967, Daar foi derrotado por Abdirashid Ali Shermarke, seu ex-primeiro-ministro. Seu mandato como presidente terminou em 6 de julho de 1967. Daar aceitou a perda democraticmante, fazendo história como o primeiro chefe de Estado na África a entregar pacificamente o poder a um sucessor eleito democraticamente.

Precedido por
-
Presidente da Somália
1960 - 1967
Sucedido por
Abdirashid Ali Shermarke

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.