Adiabena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Abril de 2012).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)



ܚܕܝܐܒ,
Αδιαβηνή

Adiabena

Vassalo do Império Parta

Blank.png
15 – 116 Vexilloid of the Roman Empire.svg
Continente Ásia
Região Mesopotâmia
Capital Arbelas
Governo Não especificado
-C.15 Izates I
Período histórico Antiguidade
 • 15 Fundação
 • 116 Dissolução

Adiabena ou Adiabene[1] foi o nome com que Plínio, o Velho designou a região onde o antigo Império Assírio havia nascido,[2] entre o rio Tigre e o Lico (Grande Zab) e Capro (Pequeno Zab). Adiabena ficava localizada entre o rio Tigre, a Média e montanhas altas e inacessíveis.[3] A sua capital foi Arbelas (atual Irbil, Iraque). Em finais do século I a.C., o império foi governado por Monobas I. A partir de 25 d.C. reinou o seu filho, Izates.

Referências

  1. Machado, José Pedro (1993) [1984]. Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa. I 2.ª ed. 2.ª ed. Lisboa: Horizonte / Confluência. p. 50. ISBN 972-24-0842-9 
  2. Plínio, o Velho, História Natural, Livro VI, Capítulo XIII, As regiões e os povos do Oceano dos citas
  3. Plínio, o Velho, História Natural, Livro VI, Capítulo IX, Armênia Maior e Menor [em linha]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Nova Enciclopédia Portuguesa, Ed. Publicações Ediclube, 1996.
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.