Adolf Lieben

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Adolf Lieben
Nacionalidade Austrália Austríaco
Nascimento 3 de dezembro de 1836
Local Viena, Áustria-Hungria
Morte 6 de junho de 1914 (77 anos)
Local Viena, Áustria-Hungria
Atividade
Instituições Universidade de Viena, Universidade de Palermo, Universidade de Turim, Universidade Carolina
Alma mater Universidade de Heidelberg
Orientador(es) Robert Bunsen
Orientado(s) Carl Auer von Welsbach

Adolf Lieben (Viena, 3 de dezembro de 18366 de junho de 1914) foi um químico austríaco.

Publicações[editar | editar código-fonte]

Lieben publicou diversos artigos no Liebigs Annalen" ("Ueber die Einwirkung schwacher Affinitäten auf Aldehyde," 1861;

  • "Ueber das Iodbenzol," 1869;
  • "Ueber festes Benzoylchlorid," 1875; etc.,
  • "Sitzungsberichte den Kaiserlichen Akademie der Wissenschaften in Wien" ("Untersuchungen über Milchzucker," "Einwirkung von Cyangas auf Aldehyde," "Ueber den Formaldehyd und dessen Umwandlung in Methylalkohl," "Reduction des Exotonchlorals," etc.),
  • "Monatshefte für Chemie,"
  • "Comptes-Rendus de l'Académie de Paris,"
  • "Berichte der Deutschen Chemischen Gesellschaft, Berlin,"
  • "Gazzetta Chimica Italiana, Palermo," etc.

References[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.