Adolf Lieben

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Adolf Lieben
Nascimento 3 de dezembro de 1836
Viena, Áustria-Hungria
Morte 6 de junho de 1914 (77 anos)
Viena, Áustria-Hungria
Nacionalidade Austrália Austríaco
Alma mater Universidade de Heidelberg
Orientador(es) Robert Bunsen
Orientado(s) Carl Auer von Welsbach
Instituições Universidade de Viena, Universidade de Palermo, Universidade de Turim, Universidade Carolina

Adolf Lieben (Viena, 3 de dezembro de 18366 de junho de 1914) foi um químico austríaco.

Publicações[editar | editar código-fonte]

Lieben publicou diversos artigos no Liebigs Annalen" ("Ueber die Einwirkung schwacher Affinitäten auf Aldehyde," 1861;

  • "Ueber das Iodbenzol," 1869;
  • "Ueber festes Benzoylchlorid," 1875; etc.,
  • "Sitzungsberichte den Kaiserlichen Akademie der Wissenschaften in Wien" ("Untersuchungen über Milchzucker," "Einwirkung von Cyangas auf Aldehyde," "Ueber den Formaldehyd und dessen Umwandlung in Methylalkohl," "Reduction des Exotonchlorals," etc.),
  • "Monatshefte für Chemie,"
  • "Comptes-Rendus de l'Académie de Paris,"
  • "Berichte der Deutschen Chemischen Gesellschaft, Berlin,"
  • "Gazzetta Chimica Italiana, Palermo," etc.

References[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.