Adrienne Shelly

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Adrienne Shelly
Adrienne Shelly, Max Parish (1992)
Nascimento 24 de junho de 1966
Queens, Nova Iorque
Nacionalidade  Estados Unidos
Morte 1 de novembro de 2006 (40 anos)
Manhattan, Nova Iorque
Ocupação Atriz
Atividade 1989 – 2006
Cônjuge Andrew Ostroy
IMDb: (inglês)

Adrienne Shelly (Nova Iorque, 24 de junho de 1966Nova Iorque, 1 de novembro de 2006) foi uma atriz e cineasta norte-americana, célebre pelos filmes The Unbelievable Truth (1989) e Trust (1990). O seu último trabalho como actriz e realizadora foi Waitress, lançado postumamente em 2007.

A atriz e cineasta foi encontrada morta no seu escritório em West Village, Manhattan pelo seu marido, Andy Ostroy, em 1 de novembro de 2006.

Adriene Shelley foi brutalmente assassinada por Diego Pillco, um trabalhador da construção civil indocumentado de 19 anos do Equador, que mais tarde disse que a matou porque temia que Shelly o denunciasse e o deportasse.

Recordando a tragédia do assassinato de sua esposa, Ostroy diz que seu assassino encenou sua morte para se parecer com um suicídio. A filha do casal tinha dois anos na época.

Ostroy foi aconselhado a aceitar um acordo que enviaria Pillco à prisão por 25 anos sem liberdade condicional porque não havia motivos claros ou testemunhas do crime - "Foi uma decisão agonizante: lançar os dados por uma sentença de prisão ou, eventualmente, acabar com uma convicção de homicídio culposo, com O seu assassino recebendo um minério de três a cinco anos de prisão", escreveu ele. Ele observa que Pillco será um "homem livre aos 44 anos", enquanto a vida vibrante de sua esposa foi apagada às 40.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]